Professores terão vencimentos cortados

0

Cerca de 400 mil alunos, de todo Estado, voltaram hoje às aulas após o fim da greve dos professores. Segundo a Secretaria de Estado da Educação, a retomada aconteceu sem nenhum transtorno. O órgão também informou que os professores que aderiram a greve receberão descontos em seus salários e, em alguns casos, o corte de ponto pode chegar a 50% dos vencimentos básicos do docente. O fim da greve aconteceu após o juiz Osório Ramos, do Supremo Tribunal Federal, reconhecer o movimento como ilegal. A justiça também afirmou que o movimento estava causando prejuízos ao Estado e à comunidade estudantil. A categoria definiu o fim da paralisação em Assembléia realizada ontem, dia 26, e já marcou uma nova assembléia para o dia 6 de maio, quando avaliam resposta da Seed às reivindicações da classe.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais