Quadrilha suspeita de realizar assaltos e atirar em major da PM é presa

0

Uma quadrilha envolvida em assaltos a postos de combustíveis, lotéricas e agências bancárias em Sergipe, Alagoas e Maranhão foi desarticulada no último dia 7, em São Luiz, capital maranhense. Foram presos Lucas Mateus Cardoso, Márcio Ferreira da Silva, Flávio Gomes Rosa e o sergipano José de Lima.

Segundo informações preliminares da Divisão de Inteligência e Planejamento (Dipol) da Polícia Civil, que participou na troca de informações com a polícia do Maranhão e de Alagoas, integrantes da quadrilha são suspeitos de atirar contra o major da Polícia Militar Jorge Tavares de Jesus, 41 anos, no último dia 28 de outubro, em frente ao Ministério Público de Sergipe. Na época, o oficial da PM tentou evitar um assalto, mas foi alvejado com um tiro no rosto.

No momento da prisão, no Maranhão, os acusados apresentaram documentação falsa oriunda dos estados de Minas Gerais, Alagoas e Sergipe. Com a quadrilha foram apreendidos três carros e uma motocicleta, sendo uma Parati, um Pólo, um Corsa Sedan e uma CG vermelha. Este último veículo foi usado na tentativa de assalto que feriu o oficial da PM.

Em Aracaju, foi apreendida, nesta terça-feira, 11, no bairro Aeroporto, a motocicleta CG Twister de cor preta e placa KKG-8692, de Pernambuco, usada em mais de 15 assaltos a postos de combustíveis e “saidinhas” de banco na capital sergipana. A moto, que estava escondida na casa de José de Lima, ganhou reconhecimento da sociedade ao ser citada em várias notícias de assaltos na imprensa. A esposa do suspeito sergipano foi conduzida ao Cope para prestar esclarecimentos.

No último assalto cometido pela quadrilha em Aracaju, os acusados roubaram R$ 80 mil do posto de combustíveis Mecs, localizado na avenida Francisco Porto. A ação policial foi batizada, pelos agentes da Dipol de Sergipe, como “Operação Twister”.

Fonte: SSP/SE

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais