Semana Nacional de Ciência e Tecnologia acontece de 1° a 7

0

Nesta segunda, 1°, terá início a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, com o tema ‘Terra’. O evento conta com uma extensa programação, e segue até o dia 7 de outubro. Sob a coordenação do Ministério da Ciência e Tecnologia, ocorrerão simultaneamente ações em todo o país, envolvendo municípios de cada região, universidades, escolas e instituições de pesquisas científicas e tecnológicas.

A abertura acontece no Colégio Estadual Atheneu Sergipense, na próxima segunda-feira, 1º de outubro, a partir das 10h, com a apresentação de pesquisas dos bolsistas do Programa de Bolsas de Iniciação Científica Júnior (PBICJ), da Fapitec/SE.

Escolas e faculdades em todo o Estado receberão palestrantes de diversas instituições, como a Universidade Federal de Sergipe (UFS), Universidade Tiradentes (Unit), Instituto de Tecnologia e Pesquisa (ITP), Embrapa, Centro Federal de Educação Tecnológica de Sergipe (Cefet) e Secretaria do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh).

Além das palestras, também serão realizadas mostras de vídeos científicos nos colégios das redes pública e particular, exposições de materiais reciclados e de desenhos, feira científica e apresentações artísticas e culturais, além de oficinas e workshop. Nas instituições de pesquisa e nas universidades, estão sendo agendadas visitas aos laboratórios e campos experimentais.

Em Sergipe, a Semana está sendo organizada pelo Governo do Estado, por meio da Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica (Fapitec/SE), com apoio da Secretaria do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec).

Dia de ciência no Parque

No dia 5, o Parque da Cidade Governador José Rollemberg Leite, no bairro Industrial, será o palco da ciência. As instituições participantes estarão promovendo ações voltadas para a popularização da ciência, com apresentações de experimentos científicos, de vídeos, caminhadas ecológicas, com palestras curtas durante o percurso e muitas outras atividades. O evento é direcionado para estudantes das redes pública e particular de ensino, além da sociedade sergipana.

Comentários