Vídeos mostram violência em jogo da Copa Brasil no Batistão

0

Terminou em confusão a partida entre os times do Sergipe e do Goiás, na disputa pela Copa Brasil de Futebol, realizada na noite da quarta-feira, 13, na Arena Batistão, em Aracaju. No conflito, a Polícia Militar interferiu, utilizou armas não letais, atirando balas de borracha contra os manifestantes e prendeu 30 pessoas, que no momento se apresentaram como torcedores do Goiás.

Conforme informações do major Fábio Machado, chefe da PM5, a Seção responsável pela comunicação social da Polícia Militar de Sergipe, posteriormente, cerca de 90% dos detidos foram identificados como torcedores do Confiança. “Eles foram [à Arena Batistão] com o intuito de causar confusão”, conclui o major Machado.

Segundo o major Machado, os 30 torcedores foram encaminhados para a Delegacia Plantonista Sul, da Polícia Civil, para adoção dos procedimentos pertinentes a este flagrante.

A assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública informou que as pessoas detidas assinaram Termo de Ocorrência Circunstanciado (TOC) e foram liberadas, ficarão à disposição do Poder Judiciário.

por Cassia Santana

*A matéria foi alterada às 8h53 para acréscimo das informações enviadas pela assessoria da SSP
Comentários