Vítima de atentado em Maruim recebe voz de prisão no Huse

0
Atentado chamou a atenção da comunidade em Maruim (Foto: Grupo WhatsApp Sergipe Notícias/Arquivo)

A Polícia Civil cumpriu mandado de prisão expedido pelo Poder Judiciário contra o jovem Douglas dos Santos Barreto, 19, conhecido como Dodô. Ele e o irmão, Robson Santos Barreto, 18, sofreram um atentado na terça-feira, 10, na cidade de Maruim. Robson morreu no local e Dodô sobreviveu e está internado no Hospital de Urgência de Sergipe (Huse).

Mas a Polícia Civil identificou o envolvimento de Dodô em um outro homicídio ocorrido também em Maruim, crime registrado no domingo, 8, que teve como vítima um outro jovem identificado como Gabriel Ferreira Freitas, 22, conforme informações da assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP).

O mandado de prisão, expedido por solicitação da própria Polícia Civil, contra Dodô foi cumprido na noite da quinta-feira, 12, no Hospital de Urgência de Sergipe. De acordo com a assessoria de imprensa da SSP, Dodô permanece internado, custodiado por policiais militares. Ao receber alta médica, o paciente será encaminhado para uma unidade prisional, onde aguardará os desdobramentos da investigação.

Escolta

Na terça-feira, 10, Dodô e o irmão Robson Barreto foram atingidos por disparos de arma de fogo no centro da cidade de Maruim. Os atiradores fugiram, até o momento não foram identificados e a Polícia Civil pede apoio da comunidade para localizar suspeitos, cujas informações podem ser transmitidas por telefone através do número 181, com ligação gratuita e a garantia do colaborador não ser identificado.

Robson morreu no local do crime e a Guarda Municipal de Maruim foi mobilizada para fazer escolta de ambulâncias em dois momentos para atender Dodô. No primeiro momento, a ambulância do município foi escoltada até o hospital da cidade e, posteriormente, os guardas municipais deram apoio para escoltar uma outra ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), que transportou Dodô para o Huse, em Aracaju, onde ele permanece internado.

De acordo com informações da assessoria do Huse, Dodô passou por cirurgia, está na Unidade Pós-Cirurgia (UPC), sem previsão de alta. O quadro de saúde do paciente é considerado estável, segundo o último boletim médico divulgado pela assessoria de imprensa do Huse. A Polícia Civil continua investigando os dois crimes.

por Cassia Santana

Comentários