“Biodiversidade de Sergipe’ em exposição no Mirante da 13

0

Foto: Ascom Funcaju
Levar informações e estimular a preservação da fauna local são os principais objetivos da exposição ‘Biodiversidade de Sergipe’, que está no Mirante da Praia 13 de Julho. A mostra reúne 25 imagens de animais encontrados no território sergipano, em seu habitat natural. São aves, anfíbios, répteis, mamíferos e insetos, alguns deles ameaçados de extinção.

A exposição, que permanece no mirante até 12 de maio, foi montada pelo pesquisador Marcelo Cardoso, mestre em biologia animal, e por outros biólogos e estudantes de biologia integrantes do Instituto Amuirandê, que atua em todo o estado de Sergipe e no litoral norte da Bahia apoiando projetos de pesquisa e a conservação da fauna e da flora.

“Nós acreditamos que um dos pressupostos para o desenvolvimento é a conservação da biodiversidade, e para que isso aconteça é necessário ter informação. O trabalho do Amuirandê e a idéia da exposição é exatamente essa: repartir um pouco do conhecimento adquirido nas pesquisas que já fazemos há mais de dois anos. Nosso objetivo é integrar a população ao nosso trabalho e motivá-la a valorizar nosso patrimônio natural”, destaca Marcelo Cardoso.

Segundo ele, alguns dos animais fotografados são raros e estão ameaçados de extinção, mas outros são comuns, embora a maioria das pessoas nunca os tenha visto antes de visitar a exposição. “Isso evidencia que a gente conhece muito pouco da riqueza da fauna sergipana. Nossa proposta é modificar esse cenário”, completa o biólogo.

Visitação

Mantido pela Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Esportes (Funcaju), o Mirante da 13 de Julho funciona de segunda a sexta-feira das 9 às 19 horas, e aos sábados, domingos e feriados, das 9h às 17h.

Com informações da AAN

Comentários