Duo Siqueira-Lima realiza apresentação na cidade histórica de São Cristóvão

0

Cecília Siqueira e Fernando Lima fazem dueto em São Cristovão (Fotos: Marcelle Cristinne)
De 25 de Setembro a 10 de Outubro de 2010, a turnê Pontes Barroco-Brasileiras irá passar por 10 cidades do Norte-Nordeste, com entrada franca e patrocínio da Funarte, mostrando que a música clássica dialoga com o público de maneira mais próxima, despertando o interesse deste, repertórios instrumentais de qualidade.

Pela primeira vez em Sergipe, o grupo realizou uma surpreendente apresentação no dia 30 de setembro, no Museu Histórico de Sergipe, em São Cristóvão. A apresentação une a música barroca e música brasileira, numa ponte entre dois estilos surpreendentemente parecidos, apresentando dois grandes músicos: a uruguaia Cecilia Siqueira e o brasileiro Fernando Lima, mostrando essa correlação entre a liberdade barroca e a música atual, principalmente a brasileira.

De acordo com o músico Fernando Lima, a oportunidade de apresentar o Duo em Sergipe é de grande valia. “ Eu estou pela segunda vez em Aracaju, mas com o Duo Siqueira-Lima é a primeira.  Quando surgiu a oportunidade de trazer o Duo para o Nordeste,  eu pensei logo em Sergipe, pois eu tinha gostado muito da outra vez em que estive aqui,  e ao entrar em contato com a Secretaria de Estado da Cultura, tivemos uma ótima recepção e a sugestão de trazer o Duo para São Cristóvão, que foi uma excelente ideia, pois nós já ficamos apaixonados por esta cidade assim que chegamos. São Cristóvão é uma cidade é encantadora, com muitas coisas interessantes para apreciar, estamos muito contentes”, destacou.

Severino Lima gostou da apresentação
Dentro do Programa apresentado, os músicos trouxeram de Bach a Camargo Mariano, num encontro que surpreendeu a todos que assistiram.  “A apresentação foi espetacular, dispensa comentários pelo nível de música, e dos músicos. Estou embevecida com a qualidade desses profissionais e da apresentação deles, uma ótima oportunidade para se ouvir música de qualidade”, disse a socióloga Silvia do Amaral, que assistia atenta à apresentação.

O pernambucano e frade carmelita, Severino Lima, reside em São Cristóvão a pouco mais de um ano e ressaltou a destreza dos músicos e a importância dessas apresentações acontecerem no município. “Sempre que esses eventos acontecem, eu venho prestigiar, pois eu gosto muito de música. E esse tipo de apresentação é tão agradável para os ouvidos, e para a mente, que eu acho de extrema importância que se invista mais nesse tipo de evento, para que a população aprecie cada vez mais a boa música”, afirmou.

Pontes Barroco-Brasileiras

Socióliga Silvia do Amaral
Na turnê, o Duo Siqueira-Lima interpreta um programa que mistura composições de grandes músicos do período Barroco, como Johann Sebastian Bach, George Frideric Handel e Domenico Scarlatti, com peças de compositores brasileiros, como Radamés Gnattali, Geraldo Ribeiro, Paulo Bellinati e César Camargo-Mariano. 

A ponte entre o barroco e o brasileiro pode ser sintetizada na peça de Fernando Lima “Fuga pro Nordeste”, sobre um tema do sanfoneiro Dominguinhos, em que este tema de cunho popular do Nordeste serve de base para construir uma fuga no estilo barroco. O duo irá apresentar essas composições tocando arranjos para dois violões, e desafiando a platéia a não ficar de boca aberta com a virtuosidade e beleza dessas músicas.

De acordo com Cecilia Siqueira, a ideia surgiu a partir da percepção que os músicos tiveram em aproximar a música clássica da população. “Tivemos a ideia de fazer esse trabalho, o Pontes barrocas, para poder levar às pessoas, peças do estilo clássico da música barroca, e um repertório mais popular também, para que a gente agregue dois tipos de público num mesmo evento, o público que gosta de música clássica, e o que gosta da música popular, num estilo irreverente de apresentação”, explicou. 

No dia 01 de outubro, a apresentação acontece no Palácio-museu Olímpio Campos, às 20h.

Fonte: Ascom/Secult

Comentários