Músicos sergipanos completam quatro meses sem cachê do Forró Caju

0

Os músicos sergipanos que se apresentaram no Forró Caju, em junho deste ano, continuam sem receber os cachês referentes aos shows. Na semana passada o prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira (PCdoB), anunciou em suas redes sociais a realização do réveillon na capital sergipana – o que revoltou os músicos. Eles realizaram um ato nesta quinta-feira, 25, em frente a Câmara Municipal de Aracaju.

Confira a matéria completa no vídeo:

PMA

Por meio de nota, a Prefeitura de Aracaju afirmou que “depende da liberação dos recursos do Ministério da Cultura para concluir os pagamentos relacionados ao Forró Caju. A gestão municipal tem respondido a todas as diligências feitas pelo ministério, para que a verba federal seja liberada o mais rápido possível. Todos os pagamentos que ficaram sob a responsabilidade da administração municipal já foram honrados, tanto com artistas quanto com fornecedores. Na última transmissão ao vivo feita pelo prefeito Edvaldo Nogueira nas redes sociais, no último dia 15, ele abordou o tema. O gestor lamentou o atraso na liberação dos recursos, disse que tem atuado junto ao governo federal para a resolução do problema e afirmou que está reavaliando se fará a festa no próximo ano, caso não haja recursos próprios suficientes para a sua realização.”

Ministério da Cultura:

O Ministério da Cultura se pronunciou por meio de nota. Confira na íntegra:

Já efetuou o repasse de recursos a 27 dos 28 municípios que firmaram convênios para os festejos juninos, num valor total de R$ 6.892.992,83.

No caso do convênio com a Prefeitura de Aracaju, as exigências legais ainda não foram plenamente atendidas. Alguns procedimentos não aconteceram exatamente como planejado e pactuado. Foram feitas sucessivas diligências para resolver as pendências documentais.

Com o intuito de agilizar a conclusão da análise, foi realizada recentemente uma videoconferência com a equipe técnica do município, para dirimir dúvidas e alinhar providências.

A Prefeitura assumiu o compromisso de apresentar os documentos e justificativas solicitados pelo MinC ainda nesta semana.

Este processo está acontecendo com o rigor necessário em relação ao uso de recursos públicos. A demora na entrega dos documentos solicitados e o envio de documentação incompleta podem atrasar a efetivação do pagamento.

O valor de R$ 3.603.000,00 encontra-se integralmente empenhado e será liberado assim que a Prefeitura de Aracaju apresentar a documentação necessária.

O Ministério da Cultura lamenta a demora e reforça, mais uma vez, seu compromisso com a legislação vigente, o bom uso dos recursos dos contribuintes e a cultura sergipana.

Por Ícaro Novaes 

 

A matéria foi alterada às 19h para acréscimo de nota enviada pelo MinC. 
Comentários