Salão dos Novos será estendido até 24 de abril

0

Exposição fica em cartaz até o dia 24 de abril (Foto: Silvio Rocha/PMA)
Depois do sucesso do lançamento e de oito dias de grande movimentação, a exposição Salão dos Novos será estendida. Planejada inicialmente para seguir até o dia 2 de abril, a mostra, realizada pela Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA), através da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Esporte (Funcaju), permanece até o dia 24 na Galeria de Arte Álvaro Santos (GAAS).

Menos de duas semanas após a abertura, o Salão dos Novos bateu recorde de visitação. A exposição conta com obras de variados estilos e técnicas. De esculturas à instalações, passando por fotografias e pinturas, a exposição promete agradar a todos os gostos.

Este ano, 54 artistas concorreram com 78 obras. Após a escolha de dois júris, um de seleção e outro de premiação, seis obras foram selecionadas: três receberam menções honrosas e três foram premiadas (Ver lista abaixo). Ao todo foram R$ 2.400,00, mil para o primeiro colocado, R$ 800,00 para o segundo e R$ 600,00 para o terceiro lugar.

Segundo o diretor da GAAS, Luiz Adelmo, o sucesso do salão é prova do interesse dos aracajuanos pela arte. “Esse ano estamos com uma visitação muito boa e nós já superamos os números dos salões anteriores. Temos obras belíssimas na exposição e mesmo as que não foram premiadas, impressionam”, comenta o diretor.

Visitas

A galeria funciona de segunda à sexta, das 8h às 18 horas, e aos sábados, das 9h às 13 horas. A visitação é gratuita. Luiz Adelmo também explica que escolas interessadas em visitas devem agendar com a galeria. “No caso de escolas públicas, o responsável deve procurar a secretaria de educação; já as particulares devem ligar diretamente para galeria”, explica.

Site

Em setembro deste ano a galeria Álvaro Santos completa 45 anos de atividade artística na capital sergipana. Para celebrar a data, ela ganha seu primeiro presente já no mês de maio quando lançará o seu site, que disponibilizará aos internautas algumas obras de grandes artistas plásticos sergipanos.

Premiação do Salão dos Novos
1o lugar – Raniel, com “Toré”, escultura em pedra sabão;
2o lugar – Bruno Poconé, com “Viagem caleidoscópica”, instalação;
3o lugar – Moisés Reis, com “Traição”, escultura em pedra calcaria.

Menções honrosas
Debora Araújo, com “Cacto”, Xilogravura;
Raniel, com “Mulher”, escultura em pedra arenito;
Carlos Eduardo, com “São Jorge”, técnica mista.

Fonte: PMA

Comentários