Casa de Mel possibilitará melhor qualidade de vida para famílias de Poço Verde

0

A região de Poço Verde é considerada a maior produtora de mel do Estado
A luta dos pequenos produtores do município sergipano, distante 143 km de Aracaju, já vem de longa data. Depois de tantos esforços, homens e mulheres estão perto de comemorar o mais novo empreendimento, que promete criar alternativas de trabalho e renda por meio do beneficiamento do mel.

A inauguração da Casa de Mel está prevista para março deste ano e irá atender  pequenos agricultores da região e assentados da reforma agrária. A região é considerada a maior produtora de mel do Estado e seus moradores também têm a agropecuária como fonte de renda – com a criação de bovinos, caprinos, cultivo de milho e feijão. A Unidade está sendo construída no povoado Ladeira dos Tanquinhos e foi estruturada sob a ótica do Desenvolvimento Regional Sustentável do Banco do Brasil (DRS/BB) e da premissa de geração de trabalho e renda da Fundação Banco Brasil.

Com recursos da Fundação BB, além da construção da Casa de Mel, também estão incluídos o maquinário e equipamentos para a coleta e beneficiamento do produto.  Assim, pretende-se melhorar a qualidade do mel, agregar valor, proporcionar a expansão da produção e, consequentemente, a renda das famílias atendidas. Os trabalhadores também irão participar de

A inauguração da Casa de amel será em março
cursos, nos quais aprenderão a operar o novo maquinário.

Segundo o presidente da Associação dos Apicultores do Município de Poço Verde, Raimundo José dos Santos, a procura de pessoas interessadas em associar-se ao projeto está aumentando. “Muitos trabalhadores que viviam do plantio estão migrando para o mel e isso já é percebido com o crescimento da produção, que passou de 48 para 52 toneladas ao ano.”, conta.  Raimundo diz ainda que o mel já está presente nos lanches das escolas municipais e estaduais por meio de uma parceria com a Prefeitura de Poço Verde. O empreendimento também irá buscar junto ao Ministério da Agricultura o selo orgânico e da boa qualidade do mel, que irá valorizar ainda mais o produto dentro e fora do país.

As ações, que irão beneficiar 71 apicultores diretamente, foram elaboradas e implantadas pela Associação dos Apicultores do Município de Poço Verde – AAMP e têm ainda a parceria do Serviço Brasileiro de Apoio ás Micro e Pequenas Empresas –  Sebrae; Prefeitura Municipal de Poço Verde; Secretaria de Saúde; Secretaria de Educação;  Federação Sergipana dos Apicultores do Estado de Sergipe; Cooperativa dos Apicultores de Sergipe – Coapisa e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba – Codevasp.

De 2005 a junho de 2010, a Fundação BB investiu mais de R$ 4,5 milhões na cadeia produtiva do mel. Os investimentos são direcionados para a aquisição de equipamentos, construção de unidades de beneficiamento, capacitação e apoio à comercialização. A Fundação incentiva a formação de cooperativas de produtores e investiu na criação de uma central de cooperativas, em Picos/ PI – a Casa Apis, que exporta para os Estados Unidos e Europa.

Fonte: Fundação BB

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais