Dados apontam que Nordeste tem 68 centros de compra

0
o Banco do Nordeste destinou mais de R$ 1 bilhão para ampliação e reforma de 19 shopping centers na região Nordeste (Foto: divulgação)

Nos últimos três anos, o Banco do Nordeste destinou mais de R$ 1 bilhão para ampliação e reforma de 19 shopping centers na região Nordeste. Segundo dados da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce), apenas em 2013 foram inaugurados sete novos empreendimentos em estados nordestinos, que hoje têm, ao todo, 68 centros de compra. Para este ano, estão previstas inaugurações de mais sete empreendimentos.

Com a mudança do perfil do consumidor brasileiro, o comércio varejista apresentou um crescimento de 32,4% no volume de vendas, no período entre 2003 e 2012, de acordo com estudo realizado pelo Escritório Técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene). Na região Nordeste, oito estados ficaram acima dessa média, com destaque para Alagoas (53,7%).

Com relação aos frequentadores dos shopping centers, o nordestino é responsável por 15,3% do total do fluxo de visitas mensais a shoppings no País, perdendo apenas para a região Sudeste que conta com 60% do total dessa frequência.

Segundo José Varela Donato, coordenador de pesquisas do Etene, os shopping centers tendem a aumentar sua participação no comércio varejista: “Em primeiro lugar, eles já desfrutam de vantagens competitivas em relação a outros canais de distribuição, ao proporcionarem, aos consumidores, mais conveniência (compra de vários produtos em um só lugar, facilidade de acesso, de estacionamento e de comparação de preços), economias de tempo, segurança e prazer na experiência de compra. Além disso, os shoppings centers procuram expandir-se para cidades de porte médio e para as zonas periféricas das grandes metrópoles brasileiras”.

Entretanto, alerta José Varela Donato, “os investimentos em shoppings centers envolvem riscos crescentes, em virtude de competição mais intensa, de maiores níveis de concentração e de profissionalismo técnico e gerencial desse tipo de empreendimento, que requer elaboração de um projeto de negócios bem arquitetado para sua expansão e, principalmente, para entrada”.

Fonte: BNB

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais