Abertas as inscrições para Jovens Protagonistas das escolas do estado

0
A inscrição deve ser realizada por um membro da equipe gestora da unidade de ensino (Foto: Maria Odília/Seduc)

Os gestores que desejam inscrever seus estudantes para atuar como Jovem Protagonista (JP) do Programa Escola Educa Mais nas unidades de Ensino Médio em Tempo Integral já podem fazê-lo, no período de inscrição que começa nesta sexta-feira, 29, e se estende até o dia 4 de dezembro. A inscrição deve ser realizada por um membro da equipe gestora da unidade de ensino e, para cada jovem que deseja atuar, será necessário que o membro da gestão realize nova inscrição.

Cada unidade de ensino poderá inscrever a quantidade de jovens que achar adequada. Serão selecionados 15 Jovens Protagonistas (JPs), e será gerado cadastro de reserva para atuarem como formadores do Programa Escola Educa Mais. Os estudantes selecionados comporão um quadro de formadores para o ano de 2020. Todo processo de seleção passará por análise criteriosa de perfil e capacidade organizacional do Núcleo Gestor das Escolas de Tempo Integral (NGETI).

“Todo aluno que está no Ensino Médio Integral é um jovem protagonista. Estamos lançando a inscrição para formar um grupo de 15 jovens protagonistas para atuarem em 2020. O Instituto de Corresponsabilidade pela Educação estará vindo aqui nos dias 9 e 10 de dezembro para formar esses jovens, que depois irão a outras unidades de ensino apoiar o protagonismo. Eles irão conduzir o acolhimento dos novos alunos no início do ano, promover formações em ações protagonistas, entre outras ações”, explicou Sara Karenine, coordenadora pedagógica do NGETI.

Para a seleção, os critérios analisados serão

– Estudantes matriculados nas 1ª e 2ª séries do Ensino Médio;

– Estudantes com a garantia de acompanhamento de um responsável da equipe escolar;

– Estudantes que apresentam bons desempenhos cognitivos e socioemocionais;

– Estudantes que desenvolvem práticas protagonistas dentro e fora da escola.

Para se inscrever, é necessário acessar o link.

Fonte: Seduc

Comentários