Cerca de 60 mil sergipanos farão a Prova Brasil

0

Em Aracaju, 13 mil 435 estudantes farão a Prova Brasil (Foto: Divulgação Seed)

Estudantes de todo o Brasil irão participar da aplicação do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb), através da Prova Brasil, na próxima segunda-feira, 7. A avaliação vai até o dia 18 de novembro. Em Sergipe, 59.149 alunos, divididos em 1.936 turmas, irão fazer a Prova Brasil.

A aplicação do Saeb/Prova Brasil é feita por uma empresa contratada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (INEP), mediante licitação prévia. Neste ano, a empresa vencedora foi o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (CESPE), ligado à Universidade de Brasília (UnB).

Serão 800 turmas na rede estadual, 1.019 na rede municipal e 117 na rede privada. Essas aplicações acontecerão nos  três turnos, sendo 653 turmas matutinas, com 3.488 alunos; 706 turmas vespertinas, com 3.592 alunos, e 195 turmas no período noturno, com 576 alunos. No município de Aracaju, 13.435 estudantes farão a avaliação, distribuídos em 423 turmas em todas as redes de ensino.

As provas serão realizadas em 25 polos, assim distribuídos: 4 polos em Aracaju e 1 polo nos municípios de Boquim, Campo do Brito, Canindé do São Francisco, Capela, Carmópolis, Estância, Gararu, Indiaroba, Itabaiana, Itabaianinha, Lagarto, Neópolis, Nossa Senhora da Glória, Nossa Senhora do Socorro, Pinhão, Poço Verde, Propriá , Riachuelo, Santo Amaro das Brotas, São Cristóvão e Tobias Barreto.

Avaliação

Na Prova Brasil serão avaliados os alunos da 4ª série/5º ano e 8ª série/9º ano do ensino fundamental e os do 3º ano do ensino médio, de forma amostral. Para participar, a escola deve ter, obrigatoriamente, 20 alunos presentes no dia da aplicação, na série a ser avaliada, e ter fornecido ao censo do ano anterior (2010) as informações referentes às turmas e matrícula da escola.  As áreas avaliadas no Saeb/Prova Brasil são: Língua Portuguesa, com foco na leitura, e Matemática, com foco na resolução de problemas.

Além de testar as habilidades dos alunos, o Saeb/Prova Brasil contempla também o levantamento de dados sócio-econômicos, em questionário próprio, envolvendo o universo da escola.  Os indicadores levantados produzem dados seguros para o cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB).

Prova Brasil

O Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb) foi criado em 1990 com o objetivo de subsidiar a formulação e o monitoramento das políticas públicas educacionais, por meio da análise de seus resultados, que permitem identificar o grau de eficiência das diferentes redes de ensino do país.

Em 2005, o sistema de avaliação foi reestruturado pela Portaria Ministerial nº 931 e reorganizado em dois processos de avaliação: a Avaliação Nacional da Educação Básica, que manteve o caráter amostral do Saeb já existente, e a Avaliação Nacional do Rendimento Escolar, denominada Prova Brasil, com foco nas unidades escolares de ensino fundamental (EF) das redes públicas.

Em 2007, os resultados dessas avaliações passaram a compor o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), aliados aos indicadores de fluxo escolar informados no censo de cada unidade de ensino. Em 2011, estima-se que o Saeb/Prova Brasil abrangerá mais de 5 milhões de estudantes brasileiros.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais