Vacinação: lista de profissionais da Educação está sendo finalizada

0
Governo irá imunizar professores e funcionários que trabalham com os primeiros e segundos anos do ensino fundamental (Foto: Seduc)

O Governo do Estado ainda trabalha no fechamento da lista dos professores e funcionários que trabalham nas escolas da rede pública e particular de Sergipe, para que seja viabilizada a vacinação desse grupo. O prazo para o envio das listas das escolas particulares e da rede municipal encerrou na última quarta-feira, 12.

De acordo com informações do superintendente de Comunicação do Governo, Givaldo Ricardo, a dinâmica da vacinação depende do tamanho da lista, que ainda não foi finalizada, e do posicionamento do Poder Judiciário, já que existe uma ação judicial em andamento do Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado de Sergipe (Sintese), que pede a priorização da vacinação dos profissionais da educação dos 1º e 2º anos do ensino fundamental, e a suspensão das aulas presenciais.

Givaldo reforça que a vacinação dos professores está definida desde o dia 28 de abril e que, inicialmente, serão vacinados os professores e trabalhadores envolvidos com os primeiros e segundos anos do ensino fundamental da rede pública estadual e municipal, e da rede privada.

“As aulas presenciais que foram autorizadas são dos primeiros e segundos anos do ensino fundamental. Nesse momento, serão vacinados esse grupo que volta às aulas presenciais e os professores que já voltaram da educação infantil. As demais séries continuam com as aulas on-line e o trabalho em home office”, esclarece Givaldo que informa ainda que a maioria dos professores do 1º e 2ª ano do ensino fundamental está nas redes municipais. “85% das matrículas desse grupo está na rede municipal. O Estado tem um percentual pequeno de professores, que fica em torno de 600. Já os municípios têm um quantitativo maior”, explica.

Ainda segundo Givaldo, o esforço do Governo é retomar as aulas com segurança, de forma escalonada e por série. “Estamos fechando a lista que envolve professores, vigilantes, merendeiras, pessoal de serviços básicos e administrativo. Vamos saber, de fato, a quantidade de pessoas envolvidas com as primeiras e segundas séries do ensino fundamental, e dobrar essa quantidade por dois porque são duas doses da vacina. Esses dados estão em fase de conclusão e quando estiver tudo pronto, vamos anunciar o início do processo de imunização”, conclui o superintendente.

Fenem

A  Federação das Escolas Particulares do Estado de Sergipe (Fenem/SE), em parceria com o Governo, recebeu até o último dia 10, a relação dos funcionários das escolas particulares da capital e do interior. Pelo levantamento da Federação, até o dia 10, a lista tinha 7.609 nomes. A Federação informou que o número é bem maior, já que após essa data novas listas foram enviadas pelas escolas particulares diretamente para o Governo.

Por Karla Pinheiro

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais