Botafogo: Uma vitória para dar moral

0

Uma vitória no clássico deste domingo não será fundamental somente para as pretensões alvinegras na Taça Guanabara. Não só a tabela, mas o lado psicológico dos jogadores será fortalecido no caso da conquista dos três pontos.

“O jogo é decisivo, sim. Principalmente porque perdemos o primeiro tempo para o Friburguense. Você fica mais animado se ganha um clássico, o torcedor passa a confiar ainda mais na equipe”, afirma o atacante Caio.

Caso saia vitorioso domingo à noite do Maracanã, o Botafogo ultrapassa o Vasco na tabela e pode até ser o líder do grupo A em caso de tropeço do Volta Redonda. O lateral César Prates faz questão de esquecer o jogo em Nova Friburgo para só pensar no presente. Ele dá uma idéia do pensamento do grupo alvinegro para o clássico: “Os 45 minutos já estão esquecidos. O que importa é o clássico contra o Vasco que pode nos levar à liderança do grupo”.

César Prates já participou de clássicos cariocas na sua última passagem pelo Botafogo, entre 98 e 99. Fez até o gol da vitória em uma partida contra o Flamengo, pelo Campeonato Carioca de 99. Mesmo assim, ele garante que ainda sente um frio na barriga, o que não significa nervosismo: “A tranqüilidade vem durante o jogo. Se você começar a partida e não sentir nada, não está atento. Tem que ter confiança para tentar, errar e depois acertar”.

A mesma opinião tem o técnico Paulo Bonamigo: “O grande jogador aparece nos grandes jogos. Não pode ter medo de errar. O Botafogo tem que sair com a vitória”, concluiu.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais