Sergipe e Guarany reclamam da arbitragem

0

Guarany e Sergipe empataram em 1 a 1, na última quarta-feira, no Estádio Caio Feitosa, pela quinta rodada do 2º turno do Campeonato Estadual. Nilson em completo impedimento abriu o placar para os rubros, enquanto que André fez para os donos da casa. As duas equipes reclamaram da arbitragem. O Guarany criticou um impedimento não marcado pelo assistente Terêncio Santos Passos e que originou o primeiro gol do Sergipe. Já o diretor de futebol, Ramon Barbosa, afirmou que as expulsões de Nilson e principalmente de Pedro Costa não foram justas e prejudicaram o time rubro. O médico Silvio Cardoso disse que o gramado do Caio Feitosa não oferece a mínima condição para a pratica de futebol. ” Graças a Deus nenhum atleta saiu contundido”, afirmou. O treinador Queirós revelou que o Sergipe não pode mostrar um futebol mais técnico porque não existia gramado. Além disso, o arbitro Paulo Antonio Andrade foi muito rígido nas expulsões de Pedro Costa e Nilson. “Ele estava muito inseguro e invertia muita falta”, disse. Já o presidente do Conselho Deliberativo, Ary Resende, frisou que o Guarany demonstrou ser uma equipe aguerrida e principalmente quando joga em seu campo, mas o Sergipe, com dois jogadores a menos, pelas circunstâncias até que o empate não deve ser encarado como mau resultado. ” O arbitro não teve culpa do resultado entre as duas equipes. O que lhe faltou foi mais experiência Outros resultados: Confiança 1 x 3 Itabaiana Amadense 7 x 4 Amadense Olímpico 1 x 0 CSM Riachuelo 4 x 1 Dorense

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais