Dia do Basta será marcado por paralisações e atos em Sergipe

0
Assembleia ocorreu nesta segunda-feira, 6 (Foto: CUT)

O Dia do Basta! Dia Nacional de Luta, organizado pela Frente Brasil Popular, será marcado por paralisações e atos públicos em diversos pontos de Sergipe. Centrais sindicais, movimentos sociais e estudantis pretendem ir às ruas na próxima sexta-feira, 10, para atos em frente a Fafen, em Laranjeiras, e na Praça General Valadão, em Aracaju.

De acordo com Rubens Marques, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT) em Sergipe, na assembleia desta segunda-feira, 6 , parte dos trabalhadores filiados ao serviço federal, a exemplo daquelas que atuam na UFS e nos Correios, decidiram que vão paralisar as atividades no Dia do Basta. Os professores da Estadual também vão aderir à paralisação. Os demais sindicatos, conforme Rubens Marques, devem confirmar participação após realização de assembleias.

O Dia do Basta vai ser realizado simultaneamente em todo o país. Em Sergipe, na sexta-feira, 10, a partir das 6h, haverá ato em frente a Fafen, em Laranjeiras, e mobilização a partir das 15h, na Praça General Valadão, no Centro de Aracaju, com caminhadas pelas ruas da capital.

A CUT está convocando os trabalhadores, alegando que é preciso dar um “basta de desemprego, de aumento do preço do gás de cozinha e dos combustíveis, de retirada de direitos da classe trabalhadora, de privatizações e de perseguição ao ex-presidente Lula”.

“Queremos dar um basta aos ataques que vem sendo feito às estatais e queremos a retomar da geração de emprego, a revogação das medidas golpistas e também lembrar à população dos deputados e senadores que votaram a favor do golpe. Essa crise é culpa dos golpistas, mas agora eles estão aí pedindo o voto da classe trabalhadora”, destaca Rubens Marques.

por Verlane Estácio

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais