Líder de bancada defende rodízio no PT

0
João Daniel: rodízio na liderança de bancada (Fotos: Maria Odília/Alese)

Há dois anos atuando como líder da bancada do Partido dos Trabalhadores (PT) na Assembleia Legislativa, o deputado estadual João Somariva Daniel defende o rodízio, entre os quatro deputados petistas, para exercer a função no Legislativo Estadual. Dos quatro parlamentares eleitos pela sigla, três já assumiram a liderança de bancada nesta legislatura.

Os primeiros foram Francisco Gualberto, seguido pela deputada Ana Lúcia Menezes, que se afastou da função e foi substituída pelo deputado João Somariva Daniel, que, conforme ressaltou, já está nesta função há dois anos e disposto a passar o bastão no exercício de 2014. “Não faço questão [de se manter na liderança], mas se eles não quiserem, eu assumo”, observou João Daniel. “Mas deixo claro que sou a favor do rodízio”, complementou.

A deputada Conceição Vieira, única que ainda não exerceu a função por ter ocupado a Primeira Secretaria da Mesa Diretora, não se manifesta. Ela disse apenas que está aguardando as definições do partido. “É um momento novo [com a posse do governador Jackson Barreto, em decorrência da morte do governador Marcelo Déda], então vamos aguardar o que vai acontecer”, observou a parlamentar.

Conceição Vieira: momento novo

Para o exercício de 2014, último ano desta legislatura, tanto a liderança de bancada do PT quanto à liderança de Governo, função que está sendo desempenhada pelo deputado Gustinho Ribeiro (PSD), estão ainda indefinidas. Para exercer o papel de líder do Governo, há apenas especulações em torno da manutenção de Gustinho Ribeiro, de Garibalde Mendonça (PMDB) e até se cogita também o retorno de Francisco Gualberto (PT).

Mas é um tema que passa pela decisão do governador Jackson Barreto, que ainda não debateu a questão com a bancada que lhe dá sustentação no Legislativo Estadual. O governador mantém uma maioria apertada na Assembleia Legislativa: doze. Segundo a contabilidade do deputado João Somariva Daniel, a governabilidade está garantida com o apoio explícito dos quatro do PT, dois do PMDB, três do PSD, além de ter conquistado a adesão dos deputados Adelson Barreto (PTB), Arnaldo Bispo e Augusto Bezerra, ambos do DEM. “A tendência é manter esta maioria”, analisa Somariva Daniel, numa referência ao exercício de 2014.

Por Cássia Santana

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais