Militares temem perda de gratificação

0

Capitão Samuel Barreto
Os problemas continuam rondando os policiais militares de Sergipe.  Agora, é uma gratificação que segundo a categoria, a Procuradoria Geral do Estado (PGE) está querendo retirar.

De acordo com o representante das Associações Unidas, capitão Samuel Barreto, todo servidor público tem direito à Gratificação de 1/3. Ou seja, ao completar 25 anos, recebe uma gratificação de 33%. “O militar tem direito a uma gratificação de 20% ao completar 30 anos de serviço. Só que a PGE está querendo tirar esse direito alegando ser ilegal para a Previdência”, explica.

Ele disse ainda que a situação está sendo discutida na Secretaria de Estado da Administração (Sead). “Caso o projeto de reajuste dos policiais militares chegue à Assembléia Legislativa sem essa gratificação, vamos pedir mais uma vez aos deputados para não votar”, ressalta capitão Samuel.

Na Secretaria de Estado da Administração (Sead), a informação do secretário Jorge Alberto Prado é de que “existe um parecer antigo da PGE sobre o assunto, mas que será tratado disso posteriormente”.

Por Aldaci de Souza

Comentários