Plano Diretor de Aracaju só será enviado à Câmara depois das eleições

0
Prefeito garantiu que envia Plano Diretor para votação depois das eleições municipais (Foto: Portal Infonet)

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, informou na manhã desta terça-feira, 14, que só enviará o Projeto do Plano Diretor de Aracaju para a Câmara de Vereadores de Aracaju (CMA) depois das eleições municipais que acontece em outubro.

“Já tomei a decisão pessoal de não mandar antes de outubro em virtude do ano eleitoral, e você mandar um Plano Diretor num ano eleitoral termina contaminando o Plano com as ideias políticas eleitorais, então pós eleição o plano irá imediatamente para a Câmara de Vereadores”, diz.

O Plano Diretor foi uma das promessas da campanha do prefeito Edvaldo Nogueira nas eleições 2016. Durante o ano de 2019 algumas datas foram apontadas para o envio do projeto à CMA, mas isso não aconteceu.

Transporte Público

O gestor municipal também falou sobre a licitação do transporte público para a Grande Aracaju. De acordo com o prefeito há um ano e meio os gestores dos municípios envolvidos – Aracaju, Barra dos Coqueiros, São Cristóvão e Nossa Senhora do Socorro –  estão em tratativas.

“A licitação é mais complexa, já tem um ano e meio que a gente trabalha nesse tema, mas não pode ser uma licitação só de Aracaju, tem a Barra dos Coqueiros, São Cristóvão e Socorro. Tem que ser o consórcio que precisa funcionar, os quatro prefeitos entrar em um consenso e isso é um trabalho que dura mais tempo porque tem que envolver o interesse das quatro cidades”, afirma.

Sobre o aumento na tarifa dos ônibus do transporte coletivo, Edvaldo disse que a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) está estudando e em breve informará a população o que ficou definido, mas não descartou a possibilidade do reajuste do valor cobrado.

Por Karla Pinheiro

Comentários