Assinado convênio com Sociedade de Oftalmologia para ação do Diabetes

0
Assinatura ocorreu nesta terça-feira, 19 (Foto: Ana Lícia Menezes/PMA)

A Prefeitura de Aracaju firmou, nesta terça-feira, 19, um convênio com a Sociedade Sergipana de Oftalmologia (SSO) para realizar ações preventivas às complicações do Diabetes, doença que afeta milhares de brasileiros. O Termo de Cooperação Técnica, que garante a execução do projeto, foi assinado pelo prefeito Edvaldo Nogueira e pelo presidente da associação, Gustavo Barreto de Melo, em solenidade ocorrida no auditório do Centro Administrativo.

Sob a coordenação da Secretaria Municipal da Saúde, o primeiro evento acontece no próximo sábado, 23, com a oferta de serviços multidisciplinares, aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), para detecção de possíveis sinais de implicações relacionadas à doença, sobretudo ligadas à visão. A iniciativa é, ainda, uma alusão ao Dia Mundial de Combate ao Diabetes, celebrado no último dia 14 de novembro.

“Estamos firmando uma parceria muito importante porque uma das consequências do Diabetes, quando não é tratado, é a Retinopatia Diabética, ou seja, a possibilidade da cegueira. As outras complicações são graves, mas a perda da visão paulatina tem afetado milhares de pessoas, então esse convênio entre a Prefeitura, a Sociedade Sergipana de Oftalmologia e as instituições surge para que, a partir deste sábado, a gente possa ofertar a primeira leva de serviços para combater as consequências do Diabetes, em especial, na visão dos aracajuanos que mais precisam. É um primeiro passo para a concretização de um trabalho bastante significativo e que fará a diferença na vida daqueles que sofrem os efeitos da doença, mas não tem condições de buscar o tratamento adequado”, destacou Edvaldo.

Ao enaltecer a importante parceria entre Prefeitura e associação, o prefeito ressaltou que a proposta é estender o convênio para alcançar o maior número de aracajuanos acometidos pela doença. “Nós, que fazemos a gestão pública, podemos fazer mais melhor por essas pessoas. Somente em Aracaju são cerca de 20 mil diabéticos e vamos buscá-los para, até 2020, oferecer um tratamento ainda mais eficaz para eles. Estamos juntando forças, unindo parceiros para buscar métodos eficientes, rápidos e eficazes. Sozinhos levaríamos muito mais tempo. Começamos com essa primeira ação, mas vamos até o fim, até encontrar as soluções para a sociedade. Vamos baixar os índices e dar qualidade de vida a essas pessoas. Vamos fazer aquilo que nos propomos: tratar bem os cidadãos, especialmente os que mais precisam. Essa parceria trará bons resultados”, salientou.

Primeira ação

O Dia de Prevenção de Complicações do Diabetes terá os atendimentos concentrados no Centro de Especialidades Médicas (Cemar) – Siqueira Campos, localizado na rua de Bahia, das 8h às 14h. Serão oferecidos: exame de função renal; avaliação de lesão do pé; verificação de glicemia capilar; avaliação de fundo do olho; e atividades educativas  relacionadas à alimentação saudável e cuidados com o diabetes. Também haverá agendamento de consultas, encaminhamento de exames no local e distribuição de material educativo.

“Os exames que serão feitos na campanha são exames de fundo de olho, que são os iniciais. Aqueles que tiverem alterações serão encaminhados para o exame do pé, em busca de situações que podem levar a amputação, e também para os exames laboratoriais. Os que tiverem complicações constatadas já terão o tratamento com laser marcado e programado”, explicou o presidente da Associação Sergipana de Oftalmologia, Gustavo Melo.

O retinólogo definiu, ainda, a parceria com a Prefeitura como “significativa”. “Desde que me formei retinólogo vejo isso como um dos problemas de saúde pública mais passível de ser resolvido porque é um tratamento de baixo custo que consegue evitar a cegueira da maior parte da população diabética que tem esse problema. Então, realmente, é algo que venho insistindo ano após ano e felizmente agora conseguimos o apoio significativo da Prefeitura”, frisou Gustavo.

De acordo com a secretária da Saúde, Waneska Barboza, a finalidade do convênio é intensificar a assistência aos usuários diabéticos em Aracaju. “É uma parceria que terá um impacto grande na população. Estamos sentando com a Sociedade de Oftalmologia para elaborar  a logística. Nesse primeiro momento estamos atendendo cerca de 1.500 pessoas, mas nossa intenção é, até o final de 2020, a gente conseguir abarcar os quase 20 mil diabéticos de Aracaju. Essa parceria tem o intuito de cuidar com carinho dos nossos pacientes, então todos que são assistidos pelas nossas unidades devem procurá-las para pegar os convites e participar do primeiro evento, que será neste sábado”, ressaltou a secretária.

A estimativa é atender cerca de 1.500 pessoas, sendo boa parte identificada pelos próprios profissionais da rede Básica de Saúde da SMS. Do total de vagas disponibilizadas, 500 serão abertas ao público que procurar por atendimento no dia 23. Além da  Sociedade Brasileira de Oftalmologia, se somam a ação outras entidades, como a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD); Universidade Federal de Sergipe (UFS) e o grupo farmacêutico suíço Novartis.

Fonte: PMA

Comentários