SAMU realiza plano operacional para mudança de endereço

0
Caso a população tenha dificuldade de acesso na segunda, através do 192, poderá ligar para 190 ou 193 onde terão equipes do Complexo Regulatório de Urgência preparada para a regulação (Foto: Flávia Pacheco)

A Secretaria de Estado da Saúde (SES), preparou um plano operativo em razão da mudança de espaço físico do Complexo Regulatório de Urgência (CRU) do SAMU que ocorrerá na próxima segunda-feira, 25, a partir das 10h. O objetivo é manter a continuidade da assistência à população sergipana, evitando qualquer descontinuidade no processo de atendimento de urgência por meio do número nacional de Saúde – 192.

A ANATEL, a Oi e demais operadoras estão envolvidas no processo de mudança do tronco 192, porém, caso a população tenha dificuldade de acesso, equipes técnicas do SAMU estão preparadas para fazer a mesma regulação, os mesmos procedimentos e protocolos através do 190 – Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) e do 193 – Central de Operações do Bombeiro Militar (COBOM).
De acordo com informações da coordenadora Administrativa do SAMU 192 Sergipe, Mariluci Gomes, mudanças como essa já ocorreram e não houve interrupção nos atendimentos. “A gente já teve experiências de mudança antes e a população não precisa se preocupar, pois não houve nenhuma descontinuidade no serviço, nem foi preciso ligar para o 190 ou 193, isso é só um excesso de zelo para que nenhum problema aconteça”, disse.
O novo endereço do Complexo Regulatório de Urgência, no Palácio Serigy – Centro, contará com suporte tecnológico avançado e ambiente mais humanizado e tranquilo. Além da equipe de regulação, a gestão operacional como a superintendência e as coordenações médica, de frota e de enfermagem, também estarão lá.
“Tudo que é integrado é mais fácil porque as pessoas conseguem se comunicar mais rapidamente e com mais eficiência, então o que eu vejo é uma mudança estrutural para melhor, estaremos num prédio próprio, toda a equipe do Complexo de Regulação vai ter um ambiente bem mais humanizado, bem mais tranquilo e com um padrão de excelência. Lá poderemos observar o sistema, as telas de monitoramento hospitalar, sala de dados e informações sobre a situação da rede. A gente acredita que a CRU junto com a gestão, fortalece e estabelece melhor o fluxo de trabalho”, comentou a superintendente do SAMU 192, Conceição Mendonça.
Por segurança, a SES garantiu o transporte da equipe do turno da meia-noite para que eles não precisem usar o transporte público. Além disso, ofício foi enviado à Secretaria de Segurança Pública (SSP) solicitando segurança maior para a equipe no entorno.
O sistema de comunicação também irá mudar e passará a ser através de radiocomunicação integrado com a Secretaria de Segurança Pública (SSP).  “Toda a equipe, tanto da regulação quanto da intervenção será treinada para que a gente possa ter uma comunicação mais eficaz com um tempo de resposta bem mais curto. É um passo de qualidade muito grande e de eficiência dentro do sistema de inteligência de regulação das urgências aqui de Sergipe”, concluiu a superintendente.
Fonte: SES
Comentários