SES reforça a importância da vacinação contra o sarampo

0
O Dia “D” de vacinação acontece no próximo sábado, dia 19 (Foto: Flávia Pacheco/SES)

A Secretaria de Estado da Saúde, por meio do Programa Estadual de Imunização, reforça a importância dos pais e responsáveis a levarem as suas crianças com idade entre seis meses a menores de cinco anos para serem imunizadas contra o sarampo.

“A vacina é a única forma de prevenção da doença. Não existe outra maneira de evitar o sarampo”, reforçou a gerente do programa, Sândala Teles.

Ela lembra que a vacina está disponível nas unidades que já se preparam para o Dia “D” de vacinação, que acontece no próximo sábado, dia 19. “As unidades estarão voltadas apenas para a vacinação, portanto, será um dia apropriado para papai, mamãe ou responsável levar sua criança para ser imunizada contra o sarampo”, conclamou Sândala Teles, salientando que toda criança de seis a onze meses também precisa ser levada à unidade de saúde para receber uma dose da vacina.

“Essa é uma dose extra que está sendo aplicada em crianças nesta faixa etária em todo o país, devido ao surto de sarampo. O objetivo é proteger os bebês. A criança de seis a onze meses tem que ter uma dose dessa vacina no cartão. Na rotina da vacinação, a criança com um ano de idade precisa tomar a primeira dose e com um ano e três meses, a segunda dose. Isso quer dizer que na caderneta de saúde de toda criança de um ano e três meses a menor de cinco anos tem que constar duas doses da vacina”, explicou Sândala Teles.

Destacou a gerente que em novembro chega a segunda etapa da campanha, tendo como foco a vacinação do adulto jovem, que é aquela pessoa que está na faixa etária de 20 a menor de 30 anos. A vacinação vai ocorrer de 18 a 30 de novembro e, segundo a gerente, a meta de cobertura vacinal é de 95%. “Atualmente estamos com 94% de cobertura vacinal na primeira dose e 75% na segunda”, ressaltou.

Fonte: SES

Comentários