A Mosaic dispensa funcionários em Rosário

0

Nasceu como Petromisa a sucursal da Petrobras que iria explorar os minérios do interior sergipano, mais precisamente no município ‘de Rosário do Catete. Passados tantos anos, o que se explorou foi tão pouco que poucos se lembram. Há poucos meses, a detentora da companhia, a Vale (antiga Vale do Rio Doce), passou o comando diretivo à uma empresa americana, a Mosaic, que é uma gigante nos Estados Unidos. Em janeiro deste ano, o deputado federal por Sergipe, João Daniel, anunciou que a empresa preparava-se para fazer  uma limpeza em suas dependência. Pois bem, :concretizou-se: no início desta semana, a Mosaic despediu 85 funcionários, de simples peão a engenheiro qualificado. Num município maior, essas demissões teriam pouca repercussão, num município pequeno, como Rosário, soa quase como uma tragédia. O povo de lá agora teme pelo futuro do projeto, principalmente do que já foi escavado da mina. Parece mesmo que a mina de Rosário  vai ficar na saudade.

Motos do interior terão tratamento especial

Há pouco mais de dez anos começou a ocorrer uma curiosa mudança nos sertões nordestinos. O trabalhador do sertão começou a mudar o seu meio de transporte, trocando o cavalo pela moto. Compensava a mudança, pois segundo experientes homens que cuidam da terra a moto tinha um custo menor de manutenção. Era só parar num posto de gasolina, encher o tanque e o transporte estava pronto para ser usado. Esqueciam que a moto, como um carro, tem despesas com óleo, combustível, bateria, emplacamento, IPVA – e por aí vai. Muitas destas motos, rodavam, por exemplo, com emplacamentos antigos, já que a fiscalização no interior não é muito eficiente.  No entanto, em qualquer batida, que o Detran fazia no interior do Estado, seus caminhões voltavam abarrotados de motos apreendidas por causa das dívidas contraídas e nunca pagas. Hoje, boa parte das motos que seriam ao homem do campo, hoje, dormem no pátio do Detran. Quando forem retiradas, o homem edo campo prepara-se para mais um susto, o pagamento  da estadia daquele próprio do Estado.  São caros, sim senhor, porque se cobra em forma de diárias.  Agora o Governador Jackson Barreto quer resolver este problema, antes de deixar o governo. Pediu a seus técnicos que preparem um projeto dispensando juros e multas do que é devido ao Estado.  O que pertencer ao Governo Federal, o caboclo tem que pagar de qualquer jeito. O que for do Governo de Sergipe fica tudo dispensado, incluindo juros e multas….  O projeto deve estar chegando à Assembleia Legislativa nos próximos dias, talvez antes mesmo da Semana Santa para que seja aprovado com a máxima urgência possível…  O anuncio foi feito na Casa Legislativa pelo deputado Francisco Gualberto, líder do Governo. Só a Oposição não viu com bons olhos o projeto. Um oposicionista chegou a comentar que dispensar o principal, mais juros e multa, é abrir mão de receita. Neste caso, o governador Jackson Barreto poderia ser responsabilizado pela perda de receita.

Sergipanos participam de Feira em São Paulo

Uma missão técnica com dez empresários do setor de Alimentação Fora do Lar e dois empreendedores do agronegócio participam do SIRHA, maior feira de gastronomia e hotelaria. O evento está sendo realizado na São Paulo Expo, até hoje, 16/3. Os empreendedores estão sendo assessorados por técnicos do Sebrae em Sergipe, responsáveis pela missão. Os produtores rurais  estão expondo na Feira a castanha de Caju e a farinha de Batata Doce, produtos selecionados nacionalmente para representar Sergipe no Espaço Terroir, organizado pelo Sebrae nacional. Já os empresários do Polo Gastronômico Sergipe estão à procura de inovação na gastronomia, troca de experiência e acesso a novos conhecimentos. Ambos fazem parte dos projetos Crescer no Campo Gestão da Agroindústria no Agreste Central e SE Food Experience.

Ainda não morreu ninguém

É preciso que alguma autoridade de trânsito – DETRAN, SMTT, etc., chame o feito à ordem e tome uma providência para acabar com a farra de colisões ali no entroncamento das ruas Guilhermino Rezende e Moacir Rabelo Leite, no Bairro São José. Quase todos os dias há colisão  de veículos que teimam em cruzar a Moacir Rabelo Leite em alta velocidade e avançar sobre o leito da Guilhermino Rezende, provocando as batidas. Felizmente até agora as colisões não causaram morte ou feridos. Mas, é mais barato colocar na Rua Moacir Rabelo Leite um redutor de velocidade para evitar uma tragédia maior…

Ataques premeditados

O PT repete a mesma estratégia que usou contra o juiz Sérgio Moro, ao atacar a Ministra Carmen Lúcia, Presidente do STF. Lançam uma mentira no ar, a rede de fakes e os blogs  marrons replicam, na tentativa de difamar e tirar a credibilidade do algoz, no caso, a Ministra, por ter se recusado a colocar em pauta medidas com a clara intenção de beneficiar o ex-Presidente Lula. Na última, o PT postou em seu perfil no facebook que a Ministra Carmen Lúcia teria adquirido uma mansão por R$ 1,7 milhão do doleiro Fayed Trabaoulsi, investigado por lavagem de dinheiro. O imóvel fica em Brasília e foi adquirido em 2015. Trata-se de uma matéria publicada originalmente pelo bloqueio Mino pedrosa em 2015. Na época, o próprio blogueiro  quando constatou a falsidade da informação, pediu desculpas a Ministra. A casa foi adquirida a preço de mercado – R$R 1,6 milhões – com financiamento da Caixa, tendo o negócio sido fechado por meio de um procurador da vendedora, a técnica judiciária Andrea Felipe Ramos.

A morte de Marielly Franco

Causou repercussão internacional, o assassinato da vereadora Marielly Franco e seu motorista, Anderson Gomes. Integrante do PSOL, a vereadora era defensora dos direitos humanos, dos negros e das comunidades das favelas. Os cariocas, ontem, sepultaram Marielly com muita comoção. Há muito tempo um crime político não otem tanta repercussão no país.

Lula briga com o PSOL

‘Não convidem para a mesma mesa de uma solenidade o ex-Presidente Lula e o PSOL. No twitter, Lula disse que o PSOL tem frescura com o  PT. Referia-se ao ‘pudor” do partido, lançando o seguinte desafio: Eu quero que o PSOL administra alguma coisa, que a frescura com o PT vai acabar. O PT enumerou o que chamou de frescuras do PSOL: 1 – Não aceitar propinas da Odebrecht. 2 – Não compor como o PMDB. 3 –  Não votar no Rodrigo Maia. 4 – Nunca ter apoiado uma Reforma da previdência. 5 – Combater a Lei Antiterrorismo. 6 – Pedir Auditoria da dívida pública. 7 – Puxar o Fora cunha. 8 – Defender a criação do Imposto sobre Grandes Fortunas. 9 – votar contra o Novo Código Florestal. 10 –  Ter votado contra o golpe. 11 – Nunca ter escrito uma carta aos empresários do Brasil. 12 – Defender os direitos dos povos indígenas e quilombolas, mulheres, LGBTIO, Negros e Negras. 13 – Defender oso trabalhadores acima de qualquer interesse.

         …e para encerrar…

ARREPENDIDO – O advogado Sepulveda Pertence está profundamente arrependido de ter aceitado a causa do ex-Presidente Lula. É que ele não esperava tanta desdita a um só tempo. A última foi o fato de a Presidente do STF ter-se recusado a recebê-lo para fazer um pedido que só beneficiaria a Lula.

EM FALTA – No CASE os pacientes diabéticos já há semanas estão sem a insulina Lispro Humalog. Quando ela chegar vai faltar outro remédio, é só aguardar…

   

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais