Acima da Lei

0

Interessante como quem faz as leis neste país se acha acima delas. Agora mesmo, o ainda presidente Michel Temer (MDB) esperneia porque a Justiça quebrou seu sigilo bancário visando apurar se ele encheu os bolsos com propinas. Ora, o acesso judicial às contas dos suplicantes é previsto em Lei aprovada pelo Congresso, do qual o mordomo de filme de terror fez parte por muito tempo. E o que dizer da choradeira dos petistas e lulistas contra a iminente prisão do ex-presidente Lula da Silva (PT)? Por que o partido não levantou a voz antes, quando, em grande número, trabalhadores condenados em 2ª instância foram e continuam sendo colocados atrás das grades? Antes de se acharem acima da Lei e ameaçarem rasgá-la no meio da rua, seria mais prudente que Temer, Lula e tantos outros que se acham intocáveis, tentassem mudá-la no Congresso. Do contrário, estes suplentes de Deus vão continuar rezando em vão para o titular morrer. Misericórdia!

Ficou pra depois
Não será mais nesta terça-feira o agendado e reagendado julgamento dos recursos em favor dos deputados Gustinho Ribeiro (PRP), Augusto Bezerra (DEM), Adelson Barreto (PR), Capitão Samuel, Zezinho Guimarães (MDB) e Jeferson Andrade (PSD) e da ex-deputada Susana Azevedo. Pela enésima vez, o processo foi retirado da pauta do Tribunal Superior Eleitoral. Como perguntar não ofende, a quem interessa que acusados de se beneficiarem com dinheiro público tenham seus processos protelados? Ao povo, certamente, é que não é. Marminino!

Terezinha de Jesus!
O PSD entrou na disputa pela filiação do deputado estadual Gilmar Carvalho, sem partido. Antes dos pessedistas, o parlamentar já foi paquerado pelos PDT, PEN, PSDC, PRB, Podemos, PSC e outros menos votados. O interesse pelo passe do irrequieto Gilmar lembra até uma antiga musiquinha infantil: “Terezinha de Jesus/ Deu uma queda foi ao chão/ Acudiram três cavalheiros/ Todos de chapéu na mão”. Resta saber a qual partido Gilmar dará a mão. Aff Maria!

Visita furtiva
Veja que absurdo: bandidos desalmados arrombaram a sede do PSC e levaram alguns objetos, certamente de valor incomensurável. Tivesse o ataque criminoso ocorrido na Semana Santa, iam logo dizer que os ferozes gatunos queriam comer o peixinho, que tão bem caracteriza o PSC. Em nota desolada, a direção do partido informa que colabora com a polícia para identificar os arrombadores que, admitamos, não merecem perdão. Creendeuspai!

Agora vai!
A Prefeitura de Aracaju anuncia a reabertura do processo para realizar a tão prometida licitação do transporte coletivo. O passo inicial será uma reunião dos gestores da capital, Socorro, Barra dos Coqueiros e São Cristóvão. O prefeito Edvaldo Nogueira (PCdoB) jura que fará a licitação em 2019. Tomara que os usuários dos ônibus velhos e fedorentos não estejam sendo mais uma vez enganados, como ocorreu com a falsa promessa do BRT feita por João Alves Filho. Lembram?

Triste passado
Até um dia desses, o senador Antônio Carlos Valadares (PSB) apoiava fervorosamente este governo temerário. Quem lembra é o deputado federal Fábio Mitidieri (PSD). Ele recorda, inclusive, que Vavá chegou a indicar o presidente nacional da Codevasf. Hoje, em outra trincheira, Valadares até tira chinfra da cara do mordomo de filme de terror: “Temer terá mesmo candidato a presidente? Se isso acontecer, no meio do caminho aconselhará o seu pretendente a desistir por falta de votos”. Ai, meu Deus!

Não tá prosa
E o pré-candidato a governador Mendonça Prado (DEM) está mesmo decidido a ir para o embate. Segundo ele, perde tempo quem aposta em sua desistência: “Preparem-se para enfrentar os debates, pois não desistirei. Não abro nem para um trem”. Hummm!

De olho no Senado
E o deputado federal André Moura (PSC) não esconde mais de ninguém o desejo de disputar o Senado. As dúvidas que ainda existiam se dissiparam quando ele postou nas redes sociais o seguinte: “Trânsito bem no Senado, tenho bom relacionamento com os senadores. Não teria dificuldade caso viesse a disputar uma vaga como senador em 2018”. Então, tá!

Grana para rios
Os recursos apurados com as multas ambientais serão usados em prol das Bacias dos Rios São Francisco e Parnaíba. O dinheiro das sanções será destinado para políticas ambientais. O objetivo da medida é recuperar áreas degradadas e aumentar a disponibilidade hídrica, com geração de emprego e renda. Muito bom.

Governo promete
O governo promete mandar para a Assembleia um projeto resolvendo a situação dos servidores da Fundação Hospitalar de Sergipe. Eles correm o isco de serem colocados no olho da rua com o fim da autarquia. A questão é saber qual o fundamento legal que o governo se baseará para proteger os empregos destes trabalhadores. Aguardemos, portanto!

Recorte de jornal

Publicado no jornal aracajuano Diário da Manhã, em 28 de dezembro de 1915.

Resumo dos Jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários