Auxiliares lerdos

0

Parte do secretariado estadual é lerda. Pelo menos foi o que deixou transparecer ontem o governador reeleito Jackson Barreto (PMDB). Ao ser indagado na TV Atalaia qual será o perfil dos que o auxiliarão a partir de janeiro, JB disse que exigirá “mais agilidade e presente para responder às demandas da população”. Escolhidos pelo ex-governador Marcelo Déda (PT), quase todos os atuais auxiliares dos 1º e 2º escalões não possuem o perfil irrequieto de Jackson. Pelo que deixou entender o peemedebista, aqueles não mudarem a forma de atuar não serão chamados para o novo governo que começa em janeiro de 2015. Os convidados a permanecerem no Executivo terão que deixar de lado a demora em tomar decisões, comportamento que tanto tem prejudicado o bom andamento da máquina administrativa. Isso é bom para Sergipe.

Pro Aécio

Lideranças políticas de vários partidos se reuniram ontem à noite em Aracaju para fortalecer em Sergipe a campanha do presidenciável Aécio Neves (PSDB). O encontro aconteceu na sede do CDL e contou com a participação do prefeito da capital, João Alves Filho, senadora reeleita Maria do Carmo Alves, senador Eduardo Amorim, vice-prefeito José Carlos Machado, entre tantos outros.

Genéricos

Resolução da Anvisa estabelece os requisitos necessários para que um medicamento similar possa substituir o de referência ou de marca. Pela nova regra, os genéricos que já tenham comprovado equivalência farmacêutica com o medicamento de referência da categoria poderão declarar na bula que são substitutos dos remédios de marca. A medida poderá ser adotada pelos fabricantes a partir de 1º de janeiro de 2015.

Na sombra

Interessante como parte dos políticos sergipanos evita se expor ao sol quente. Agora na campanha do 2º turno para presidente da República, as manifestações em favor dos candidatos só acontecem na boquinha da noite e em áreas nobres de Aracaju como os bairros 13 de Julho, Jardins e São José. Quem quiser arranjar inimigos é só convidar esses ‘come e dorme’ para uma panfletagem no início da tarde na periferia da capital.

Compra de votos

Pelo menos dois deputados estaduais eleitos no último dia 5 são desconhecidos de 80% dos que votaram neles. A vitória destes candidatos foi resultado da escancarada compra de votos. A grave denúncia foi feita ontem na Assembleia pelo deputado estadual Gilmar Carvalho (PR). O parlamentar, que não conseguiu se reeleger, garante que os ‘santinhos’ de alguns candidatos eram entregues ao eleitor juntamente com o dinheiro para sacramentar as compra da consciência. Cruz, credo!

Desconhecido

Sumido durante toda a campanha eleitoral, o empresário e agora suplente de senador Ricardo Franco (PTB) deu o ar da graça. Em uma notinha minúscula publicada hoje no Jornal da Cidade, o fidalgo afirma que, “passado o processo eleitoral, é preciso ter muita humildade para caminhar e entender os anseios da população”. Junto com a notinha, o JC também publica a foto 3 por 4 de Ricardo Franco. É bom para o eleitorado conhecê-lo ao menos fisionomicamente!

Esquerda satisfeita

A esquerda socialista saiu fortalecida das eleições em Sergipe. Quem pensa assim é a presidente estadual do PSTU, Vera Lúcia. “Os 46.346 votos obtidos pela candidata a governadora Sônia Meire (PSOL) representam uma vitória do somatório de forças dos partidos que a apoiaram”, afirma Vera. Ela não conseguiu se eleger deputada federal, porém festejou os 15.193 votos, que a colocaram entre os 15 candidatos à Câmara mais votados.

Unificação

Essa interessa aos empresários: o PIS e o Cofins devem ser unificados até o final deste ano. Esta unificação deve custar ao governo R$ 15 bilhões, por causa do estoque de crédito tributário que as empresas de serviço e de eletricidade terão direito a receber. O PIS e a Cofins são duas contribuições federais que incidem sobre o faturamento. O primeiro tem alíquota de 1,65%, e o outro de 7,6%.

Petróleo e gás

Empreendedores sergipanos participam hoje do Seminário de Lançamento da 9ª edição da Rodada de Negócios de Petróleo, Gás, Energia, Mineração e Construção Civil. O evento acontece, a partir das 18h, no Hotel Mercure. A Rodada de Negócios de Petróleo será realizada dias 22 e 23 de outubro, no Hotel Prodigy, localizado na Barra dos Coqueiros. Prestigie!

Com Dilma

Eleitores da presidente Dilma Roussef (PT) fizeram panfletagem ontem na porta da Petrobras, em Aracaju. Coordenados pela ex-primeira dama de Sergipe, Eliane Aquino, os manifestantes pediram aos petroleiros que sejam multiplicadores dos fatos que mostram a importância de se reeleger Dilma. Eliane se disse satisfeita com a receptividade dos sergipanos com a campanha pela reeleição da petista.

E as obras?

Quando será que a Prefeitura de Aracaju vai iniciar o grande volume de obras divulgadas na farta propaganda feita durante a campanha eleitoral? Ou será que todo aquele barulho midiático visava apenas angariar votos para os candidatos apoiados pelo prefeito João Alves Filho (DEM)?

Recorte de jornal

Publicado no Diário de Sergipe em 31 de junho de 1958

Resumo dos jornais

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários