Campanhas, criatividade e Renan em SE

0

Pelo menos até aqui, a propaganda política, pelos meios permitidos (exemplo: carros com alto-falante e distribuição dos “santinhos”) vem pecando, como sempre, pela falta de criatividade.
 

É cada texto e cada musiquinha (com raríssimas exceções), que não ajudam na conquista do voto, pelo contrário deixa o eleitor cansado e com mau humor. Felizmente ainda não existe uma invasão maior dos inefáveis carros, que perturbam o trabalho nos escritórios e firmas, conversas e tudo em residências, por aí. 
 

A propaganda do pomposo Almeida Lima, o homem que se honra de ter defendido Renan Calheiros, mas cadê coragem de convidá-lo para o alagoano vir dar uma ajudazinha à sua campanha aqui?… Pois é, o slogan da sua campanha é o melhor se não fosse uma cópia muito mal feita da campanha de Barak Obama, nos Estados Unidos… mas como diz Lavoisier: nada se perde,  tudo se transforma, para melhor ou pior…acresCentado-se: nada se cria de novo. E haja paciência para suportar mais essa campanha eleitoral, com os ridículos  exageros de sempre.

 

Por falar em Renan Calheiros, o competente escriba Ivan Valença, aqui da Infonet, noticiou na coluna que escreve aos domingos no Jornal da Cidade algo que deixou os aracajuanos com uma pulga atrás da orelha: “É mesmo, não se trata de nenhuma elocubração de jornalista que não tem o que fazer. Mas o boato que circula na cidade dá conta que a rica, riquíssima campanha do senador Almeida Lima à Prefeitura de Aracaju estaria sendo bancada, em boa parte, pelo senador Renan Calgeiros. Se Almeida chegar a se transformar em prefeito de Aracaju, Calheiros contraria com a ajuda do amigo para se eleger deputado federal ou senador por…Sergipe. Neste caso, ele trocaria seu domicílio eleitoral, trocando Alagoas por Sergipe, e levaria quase dois anos para se aclimatar à política local. É como diz aquele velho ditado: se nom é vero…”
 

Brasileiro não perde tempo…

Brasileiro não perde tempo, pelo menos em inventar ou fazer gozações com os fatos reais. Circula no território livre da Internet, uma espécie de frase do dia, inspirada na grande conclusão do cientista Lavoisier: “Na natureza, nada se cria, tudo se transforma – cana dá álcool e álcool dá cana.”

 

História mal contada!

Veio a público nos programas matinais junto com os primeiros raios de sol desta segunda-feira a notícia que o prefeito da cidade de Capela teria sofrido um atentado de assassinato dentro de sua própria residência. Pelo noticiado três homens teriam entrado na casa do mesmo com o intuito lhe tirar a vida. No mínimo muito estranho! Não precisa ser criminoso para saber que ninguém contrata três pessoas para assassinar alguém, observando atos como esse que já aconteceram, percebe-se que no máximo duas pessoas ficam envolvidas, uma como o executor e outra como condutor do veículo, quando não apenas uma pessoa comete o crime. O que também soa de forma estranha é porque alguém contrataria três pessoas para matar um prefeito de uma cidade do interior de difícil acesso, e conseqüentemente difícil fuga,  sendo que o mesmo é sempre visto na capital sempre rodando em um belo carro, geralmente “peça única” nas vias da cidade, ou seja, alvo fácil. De fato muito estranhoColóquios flácidos para acalentar bovinos ou História mal contada!

 

Ampliação da Fafen

O deputado Jackson Barreto, na Câmara dos Deputados e o deputado Francisco Gualberto, na Assembléia discursaram ontem, 05, em defesa da ampliação da Fafen. Os dois destacaram o trabalho realizado pelo governador na audiência com o presidente Lula. A Fafen, que tem unidades em Sergipe e Bahia, produz hoje 48% dos fertilizantes consumidos no Brasil. A ampliação pleiteada significa um investimento de R$ 1,2 bilhão, gerando no mínimo, 400 empregos diretos e mais de mil indiretos.

 

Augusto chamado de verme e mentiroso

Ontem, 05, no programa apresentado por Gilmar Carvalho, a esposa do artista plástico Leonardo Alencar, Cida Alencar, entrou no ar para rebater as declarações do deputado Augusto Bezerra no dia anterior sobre um problema do artista com a Prefeitura, com relação ao IPTU. “Verme, mentiroso, vai cuidar sua vida”, foi o desabafo da esposa de Leonardo, que mandou o deputado cuidar da vida dele e negou que o artista esteja doente como disse o deputado. Augusto, que estava escutando, apenas disse que “fez a denuncia a pedido de alguns amigos de Leonardo”.

 

Este Ananias, não sei não…

Os casos que vêm ocorrendo diariamente com o parlamentar Ananias serão contados num livro de cordel. Esse Ananias vem batendo o recorde de incompetência, desespero e falta de bom senso. Já pensou se ele deixa de aparecer na mídia, principalmente nas emissoras de rádio, pela manhã? Sei não…

 

Movimento grevista dos enfermeiros

Hoje, 06, pela manhã o movimento dos enfermeiros realiza a partir das 8hs ato público em frente ao Hospital de Urgência Governador João Alves Filho. Ainda hoje, às 14hs, acontecerá uma assembléia geral da categoria no auditório do Sindicato dos Bancários. Amanhã, 07, às 15hs está marcada uma reunião com o secretário de Estado da Saúde, Rogério Carvalho – no auditório da Secretaria – que vai responder sobre as propostas dos enfermeiros.

 

Aliado de César Mandarino é o novo prefeito de São Cristóvão

Deu no Ne Notícias, às 21h30 de ontem, 05: “A maioria dos vereadores de São Cristóvão elegeu há poucos instantes o novo prefeito do município. No início da noite, o presidente da Câmara, Jorge Lisboa, não aceitou convocar os vereadores para a eleição e encerrou a sessão. Seis vereadores, revoltados com a decisão do presidente, reiniciaram a sessão e elegeram Jadiel Campos, aliado do deputado estadual César Mandarino, para assumir o mandato de prefeito até o dia 31 de dezembro deste ano. Jadiel é o 4º a assumir o mandato de prefeito do município nos últimos três anos e meio. O vereador Alex Rocha, que vinha exercendo o mandato de prefeito, deve recorrer à Justiça. Ele vai alegar que os vereadores não podiam se auto-convocar e que a eleição devia ter sido conduzida pelo presidente da Câmara”.
 

Sobre as sindicâncias no HPM

Como este espaço informou ontem, 05, foram abertas algumas sindicâncias no Hospital da Policia Militar de Sergipe. Tudo por conta da perda do prazo de dois contratos: manutenção de equipamentos e higienização. Com isso hoje não tem empresa responsável pela manutenção nos equipamentos hospitalares e, o pior, no quarto mês de um contrato emergencial para higienização. A Procuradoria do Estado está de olho. Uma das sindicâncias foi aberta por não cumprir a determinação do Crafi em abrir licitação para a lavanderia. Enquanto as sindicâncias andam, a direção se preocupa com o desfile de7 de setembro.

 

Homenagem ao superintendente da Caixa

A Associação Sergipana das Empresas de Obras Públicas e Privadas (Asseop)  homenageou o novo superintendente da Caixa Econômica Federal (CEF), Luciano Pimentel, com um jantar de confraternização na última segunda-feira,  04, no Hotel Quality, e contou com a presença do governador Marcelo Déda. Segundo o presidente da Asseop, Luciano Barreto, o jantar, além de oferecer as boas vindas ao novo superintendente, teve o objetivo de consolidar a relação de respeito institucional e parceria entre o setor e a Caixa. “Estamos vivendo, talvez, o momento mais importante da nossa história graças ao crescimento econômico do país e da região. Nesse sentido, a Caixa Econômica tem sido uma parceira fundamental no desenvolvimento da indústria da construção civil em Sergipe, apoiando tanto as grandes empresas, como as de médio e pequeno porte”, argumentou o presidente.

 

Melhorias na qualidade de vida

Ainda de acordo com Luciano Barreto, em parceria com as metas de desenvolvimento apresentadas pela administração estadual, as perspectivas de Sergipe, em relação a crescimento econômico, geração de novos postos de trabalho e melhoria da qualidade de vida da população não encontram precedentes na história recente do Estado.  “Estamos sob um governo que tem metas, objetivos e, principalmente, sonhos, com a diferença de que sabe como chegar à conquista destes resultados. Ampliando a sua já destacada atuação, a Caixa é um instrumento fundamental de desenvolvimento para os sergipanos trabalhando em sintonia com as metas do governo”, pontuou o empresário. Barreto disse também que, diante desse contexto, é necessário que os empreendedores desenvolvam suas vocações e o setor se organize para acompanhar esse novo momento da economia sergipana.

 

Responsabilidade social e compromisso

Marcelo Déda também reconheceu o importante papel desempenhado pelo empresário Luciano Barreto, tanto na articulação da categoria, quanto no aperfeiçoamento da relação dos empresários da construção civil com as esferas de governo. “Um dos frutos dessa relação de extrema qualidade, é que estamos avançando na conquista de um benefício histórico para os trabalhadores sergipanos, que será o primeiro conjunto habitacional voltado para os operários da construção civil. Tudo isso, graças à sensibilidade, responsabilidade social e compromisso do doutor Luciano”, anunciou Déda.

 

Cenam: Fugas deliberadamente facilitadas I

Este espaço está investigando informação repassada por um agente de segurança do Cenam que não aceita o que vem ocorrendo nos bastidores. Segundo o agentes, as fugas ocorridas nas últimas semanas foram deliberadamente facilitadas por alguns agentes de segurança, mais especificamente pelo grupo do atual presidente do sindicato. A intenção é assumir a administração das unidades CENAM e USIP. Segundo o agente, depois da eleição realizada na semana passada a categoria está dividida. A chapa vencedora, segundo o agente, tem como meta apenas a transferência da categoria dos agentes de segurança para a Secretaria de Justiça, mais especificamente para o DESIP.

 

Cenam: Fugas deliberadamente facilitadas II

Essa denúncia de “vista grossa” para as fugas é algo grave e, se instalado o competente inquérito administrativo pode até provocar demissões por justa causa. Que os agentes lutem por melhorias tudo normal, mas a partir do momento que fecham os olhos para as fugas colocam em risco toda a sociedade e deixam de cumprir o papel deles.  Pelas fugas da semana passada ficou claro que os adolescentes estão fugindo pelo dia, nas barbas dos agentes que apenas após a fuga é dão o alarme. Isso quando dão. Em contrapartida, os responsáveis pelas unidades têm que fazer suas partes. Não tem punição. Já ocorreram várias fugas que foram escancaradamente facilitadas e não houve punição. Em algumas situações alguns agentes foram ouvidos, mas nada de punição. Na maioria dos casos não sequer apuração. Cadê o coronel Henrique Rocha? Deixou as unidades?

 

Cenam: Fugas deliberadamente facilitadas III

Essa coluna entende que é preciso uma categoria forte, assim como defende o agente que fez a denúncia, mas não aprova sabotagens que coloca em risco a vida de muitos. Pelas informações, no quesito condições de trabalho a Fundação Renascer promete mundos e fundos, mas até hoje não fez nada. Até a tão propalada “reforma do CENAM” foi feita pela metade. Obs: não dá para ver no telejornal alguns agentes com faixas com dizeres: “Até quando fugas no CENAM”, quando todos que trabalham lá dentro sabe qual é o grupo que está facilitando estas fugas. Até quando a facilitação sem punição?

 

SMTT: Fardo pesado que Edvaldo carrega

Não tem jeito! Nem o prefeito comanda a SMTT. Lá quem manda é o PDT através de Samarone. São agentes usando motos inadequadas, usando motos para transportar filhos para escolas, usando armas e tudo mais. Em frente a SMTT tem um lado que é proibido estacionar, mas no outro trecho, na mesma rua, Samarone fecha os olhos (ou será que estão bem abertos?), para uma industria de conteneir que está tomando toda a calçada (de um lado e de outro) parte da rua e nada é feito. Que se dane o pedestre, que se dane a “calçada livre”. Ontem a tarde, às 14hs, a empresa fecha a rua para descarregar um conteneir. Que se dane o transito, a empresa ganhou a rua de presente da SMTT. É um fardo grande demais para Edvaldo carregar, ou não?

 

Quanto vale (ou custa) o PDT na administração de Aracaju?

O PDT, é considerado um partido nanico, sem expressão política em Aracaju. O único vereador que tinha foi para Socorro. Não tem liderança expressiva na capital sergipana, mas atua como se fosse gente grande. A SMTT é hoje o maior problema da administração de Aracaju. Por exemplo: Samarone encheu a empresa de comissionados alvistas (vide o trânsito). No centro os agentes fazem que organizam o trânsito e não comandam nada. Caminhões descarregam a qualquer horário, mesmo tendo uma lei determinado o horário correto. Sem falar no projeto “Calçada livre”, que Edvaldo apostava que seria um sucesso, mas não foi porque as conveniências pessoais do comando da SMTT falaram mais alto.

 

Governo destina R$ 800 mil para pesquisas I

O Governo do Estado, através da Fundação de Apoio à Pesquisa e à Inovação Tecnológica de Sergipe (Fapitec/SE), lançou o edital Universal 2008. Com R$ 800 mil reais para apoiar atividades de pesquisa científica, tecnológica e de inovação em todas as áreas do conhecimento, esta é considerada uma das maiores ações de fomento da Fundação. A Fapitec/SE é uma instituição vinculada à Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia (Sedetec). Ações de fomento como essa fazem parte da nova política de CT&I do governo Marcelo Déda, conduzida pelo secretário Jorge Santana. O principal objetivo deste edital é dar suporte financeiro à execução de projetos apresentados por pesquisadores individuais, e que representem contribuição significativa para o desenvolvimento científico, tecnológico e social de Sergipe. São seis as áreas de conhecimento contempladas neste edital: Ciências Humanas, Letras, Lingüística e Artes; Engenharias e Computação; Ciências Sociais Aplicadas; Ciências Biológicas e da Saúde; Ciências Exatas e da Terra; e Ciências Agrárias.

 

Governo destina R$ 800 mil para pesquisas II

Serão concedidos auxílios-pesquisa individuais de até R$ 15mil, oriundos do Fundo Estadual para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funtec). Entre os itens financiáveis estão: material de consumo, despesas bancárias, contratação de serviços de terceiros, despesas com transportes, equipamentos e material permanente, entre outros. A contratação tem vigência de um ano e as propostas devem ser apresentadas na sede da Fapitec/SE, em envelope lacrado, juntamente com toda a documentação solicitada no edital, até o dia 15 de setembro. Outras informações pelo telefone 3259 0363 ou através do e-mail comunicacao@fapitec.se.gov.br. O edital, na íntegra, está disponível no endereço eletrônico http://www.fapitec.se.gov.br.

 

Falta de segurança nos Jardins

Por várias vezes a SSP foi alertada para a falta de segurança nas ruas que dão acesso ao Shopping Jardins e nada faz. Um exemplo, próximo ao Hiper Bompreço e ao colégio Máster os assaltos aos estudantes aumentaram assustadoramente. Os alunos que moram nas proximidades não podem ir a pé para suas residências, por conta dos assaltos. É tão difícil assim para a PM fazer ronda no local?

 

Ligação sobre seqüestro e PM

Um leitor e empresário, recebeu um telefonema na sua empresa de que tinham seqüestrado seu filho. Como ele é ex-policial militar, segurou a ligação e de outra linha ligou para a PM explicação a situação, pensando que receberia algum tipo de apoio. Apenas mandaram ele ligar para o 0800 e nada mais. O desabafo do leitor: “Fiquei mais chateado com falta de apoio da PM do que o falso sequestro, pois se fosse outra pessoal menos preparada, teria entrado em desespero e a PM poderia pelos menos orientar e tranquilizar a pessoa, dizendo oi senhor ou senhora, isso é um falso sequestro, e coisa e tal, e não simplesmente mandar ligar para o 0800”.

 

STF decide na quarta destino de candidatos ‘sujos’

Reunido no último dia 10 de junho, o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) adotou uma posição controversa. Decidiu que as candidaturas de políticos com “fichas sujas” poderiam ser homologadas pela Justiça Eleitoral. Só nos casos em que houvesse o transito em julgado de processos criminais é que os candidatos estariam sujeitos a impugnações. Significa dizer que só podem ser impedidos de disputar a eleição políticos condenados em última instância, sem possibilidade de recurso. A decisão do TSE resultou de votação apertada. Manifestaram-se sete ministros. A diferença foi de um mísero voto: placar de 4 a 3.  Inconformada, a AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros) recorreu ao STF. Por sorteio, a ação foi à mesa do ministro Celso de Mello (foto). O relatório dele está pronto. Vai a julgamento na sessão do Supremo marcada para HOJE, 06. A decisão final será tomada pelos 11 ministros que compõe o plenário do tribunal. Dependendo do resultado, as repercussões sobre a eleição municipal de 2008 serão imediatas. Em despacho anexado ao processo, o próprio Celso de Mello anotou um detalhe relevante:“Todos os pedidos de registro de candidatos a prefeito, a vice-prefeito e a vereador, mesmo os impugnados deverão estar julgados (…) até 16/08/2008.”Ou seja: caso o STF decida que os candidatos com “ficha suja” devem ser impedidos de concorrer, haveria tempo para as impugnações.

 

Apenas 30 atendimentos por dia no Instituto de Identificação

Um amigo deste jornalista, foi, juntamente com a esposa trocar a carteira de identidade da mesma. Como a carteira é de Pernambuco ele foi informado que a troca só poderia ser realizada no Instituto de Identificação, que funciona das 7h30 às 11hs, ou seja, fora dos padrões do serviço público que é das 7hs às 13hs. Ao chegar ao Instituto, ás 8hs, foi surpreendido: as senhas já tinham se esgotado, pois o Instituto só realizada 3º atendimentos diários.

 

Uma luz na sala de Justiça…

Na última segunda-feira, 04, a juíza da 228ª Zona Eleitoral do Rio de Janeiro, Ana Lúcia Vieira do Carmo, indeferiu o registro da candidatura de Josinaldo Francisco da Cruz, o Nadinho de Rio das Pedras (DEM), que tentava se eleger como vereador na capital. O Ministério Público Eleitoral constatou anotação criminal nas certidões expedidas pela Justiça Estadual, por homicídio qualificado. Na defesa, Nadinho alegou que o processo criminal se encontra no juízo de primeiro grau, ainda sem sentença condenatória. No entanto, a juíza entendeu como suficiente, o juízo de primeiro grau e também por ser uma acusação elaborada pelo Ministério Público.

 

Horário diferenciado e apenas 30 atendimentos

Duas perguntas: será que o governador tem conhecimento que o Instituto de Identificação tem um horário diferenciado em menos duas horas e meia para atender ao público? Quem determinou esse horário? E mais, porquê apenas 30 senhas diárias para o atendimento?

 

Jardins: impunidade com fumo

O Ministério Público precisa tomar providências contra a gerencia do Shopping Jardins que insiste em desrespeitar a legislação que proíbe fumar em locais fechados. De nada adianta. Colocam apenas algumas placas, para enganar o MP. Que tal uma multa pesada para os gerentes ou mesmo os proprietários, Noel Barbosa e José Carlos Paes Mendonça. Quem sabe sentindo no bolso eles vão se preocupar com a saúde dos outros, principalmente de centenas de crianças que ficam no Mac Donald`s, bem ao lado do local onde os fumantes deitam e rolam.

 

AMASE – Nota de repúdio I

A AMASE, Associação dos Magistrados do Estado de Sergipe, visando  rechaçar as críticas recentemente divulgadas na imprensa e que assacam  contra toda a magistratura sergipana,  vem a público  repudiar a  matéria veiculada no semanário Cinform, edição 1321, de 04 de agosto  do corrente ano, intitulada ” JUSTIÇA A SERVIÇO DO AGRESSOR”, na qual,  de forma precipitada e desrespeitosa, o referido semanário tenta  atingir a honorabilidade de seus associados.A comoção da história, terminologia utilizada pelo próprio editor,  parece tê-lo feito ultrapassar a linha do profissionalismo, essa que o  levaria a uma análise equilibrada e serena da situação, para, além  disso, elaborar juízo conclusivo equivocado acerca da seriedade com 

que os magistrados desempenham, – em prol da população -, a sua  difícil missão.

 

AMASE – Nota de repúdio II

As informações prestadas pela AMASE na reportagem que trata do caso  “Cleide” levam à conclusão de que é necessário à investigação das  causas que podem ter incidido negativamente ao bom andamento daquele  feito processual.  Diante delas, maior cautela era de se aguardar  daqueles que têm a nobre e imprescindível função de bem e  verdadeiramente informar a população. O papel da imprensa é imprescindível ao exercício da democracia.  A  opinião crítica abalizada e fundada em preceitos justos será sempre  bem recebida e deverá servir de estímulo a melhoria de todo e qualquer  serviço público. Doutro lado, a crítica infundada e que joga a  população contra as instituições públicas nada mais faz senão prestar  um desserviço social. A AMASE, conquanto deva defender os legítimos interesses dos magistrados, não pretende estabelecer debate impresso e periódico  acerca do tema. Todavia, não quedará inerte diante de atos que venham  a atingir a magistratura sergipana. AMASE.

 

Chat com candidatos de Itabaiana

O departamento de jornalismo da Infonet está dando um banho de cobertura nestas eleições realizando chats com candidatos a prefeitos dos principais municípios. Esta semana foi a vez de Itabaiana, mas, lamentavelmente o candidato Luciano Bispo disse que não participará, deixando de lado uma ferramenta importante. Aliás, ele parece que parou no tempo e esquece que não só os jovens, mas os adultos usam a Internet diariamente. Luciano, acorda, a inclusão digital é uma realidade. Ontem, 05, a candidata Maria Mendonça participou do chat (foi pela primeira vez) e considerou como uma experiência proveitosa onde teve a oportunidade de interagir com diversos internautas.

 

Leitor critica ausência de Luciano Bispo

De um leitor itabaianense: “Nesta terça-feira, 05, li no Portal Infonet que o candidato a prefeito de Itabaiana, Luciano Bispo, cancelou o chat no referido site por “problemas pessoais”. Não entendo como alguém cancela algo alegando ser “pessoal”, mas não cancela a caminhada na cidade. É pessoal para algumas coisas e outras não? Está no site de Luciano Bispo de 05/08/2008 – Terça-feira: “CAMINHADA – Local: Bairro Mutirão e Açude Velho a partir das 19:00 horas”. Será que foi uma artimanha para se preparar melhor após o chat da sua adversária política ou está com medo de ser indagado sobre os escândalos de irregularidades em suas gestões e não ter como responder? A infonet ainda acrescenta: “Procurando manter a democracia e dar o mesmo espaço a todos os candidatos, o Portal Infonet deu um novo prazo para que Luciano Bispo marcasse uma nova data confirmando sua presença, mas este não retornou”. Quer dizer, não firma o compromisso com a Infonet alegando ser pessoal, confirma sua caminhada em seu site de campanha (cadê o problema pessoal?) e ainda sequer dá a menor satisfação à Infonet. Afinal, o problema é de ordem pessoal, estratégica ou medo?”.

 

Esclarecimento sobre  a eleição do Sindisan

Do leitor Barbosa: “Para esclarecer a nota com o título “Sobre a eleição do Sindisan” pública nesta coluna em 31/07/2008, gostaria de informar que não foi a chapa derrotada tinha o apoio de vários setores do PT, ligados a Francisco Gualberto, Ana Lúcia, Usiel Rios e até o PCdoB. Mas, a Chapa vencedora. Basta avaliar a ligação política dos dirigentes dos sindicatos que apoiaram a referida chapa: Sintufs, Sinditextil, Sintracon, Sintese e Sindicato dos Bancários. O fato é que os ex-sindicalistas e atual presidente da DESO, Max Maia Montalvão e o secretário de Estado da Infra-estrutura, Osvaldo Nascimento foram derrotados novamente”.

 

Declaração de bens dos candidatos

De um leitor: “Ao ler essa declaração de bens dos pleiteantes a prefeitura de Aracaju, algumas coisas chamaram atenção: Como a lacuna entre o milionário e a pobre coitada que só tem o dia e a noite, segundo, é impressionante como os bens desses senhores são desvalorizados, um Tuckson por menos de R$ 30,000,00, é piada. E os imóveis na zona sul? minha casinha no Bairro América foi R$ 40,000,00, deixa pra lá. Por fim tem um candidato a vice que esqueceu de declara seus dois postos de gasolina. Justiça eleitoral acorda! Também né até hoje André Moura não perdeu o mandato, então tudo pode!!!”

 

Desabafo sobre operadora OI

De um leitor : “No mês de fevereiro/2008, o telefone celular da minha filha (operadora OI) foi roubado. Dirigir-me a agência da operadora, na Rua Lagarto, e mandei que retirasse o valor correspondente do telefone roubado. Deste o mês de fevereiro que me dirijo a agência da operadora para  pedir uma segunda via com o valor correto e mandando retirar o valor cobrado indevidamente. Mesmo assim todo mês eles fazem a tal cobrança. Até quando isso vai perdurar?”.

 

Segurança no Campus de São Cristovão

De um estudante da UFS: “Venho mais uma vez, prestar um depoimento acerca do Campus de São Cristóvão da UFS. Nos últimos dias foram vinculadas na imprensa escrita e televisionada fatos acerca da insegurança daquela instituição, principalmente à noite.(roubos de som de carro, pessoas assaltadas e até carro furtados). As primeiras medidas tomadas pelos responsáveis pela segurança do Campus na última semana foram: distribuição de folhetos com “dicas de segurança” na entrada da portaria de veículos e verificação de documentos de motos na saída das mesmas. Estavam vários seguranças na frente da portaria, fato que ocasionava até engarrafamento. Tal medida poderia até intimidar assaltantes. Mas para que servem seguranças na porta se nos estacionamentos e no campus em geral, o número dos mesmos é insignificante? Qual a real utilidade deste folheto com essas dicas? Para que serve o vigilante na portaria se nada o mesmo faz, já que o mesmo nem olha ou fiscaliza para o movimento de entrada/saída de veículos? Um cartão ou ticket de identificação aos usuários de estacionamento não seria útil? Fica a dica para a UFS, já que esta está em processo de franco crescimento e expansão com várias verbas à disposição”.

 

Artista Laranjeirense expõe quadros em Brasília

A convite do deputado federal Eduardo Amorim (PSC), o artista laranjeirense José Mérito dos Santos “J. Mérito” participa de 5 a 14 deste mês, das 9h às 18h, em Brasília, da exposição Arte Cidadã. Os quadros, do sergipano, estão expostos no corredor que dá acesso ao Plenário Ulisses Guimarães. O artista J. Mérito nasceu em Laranjeiras. Autodidata, descobriu as artes plásticas aos oito anos de idade, ampliando seus conhecimentos depois de cursar três semestres de licenciatura em desenho e plástica na Escola de Belas Artes da Universidade Federal da Bahia. A cidade de Laranjeiras se tornou o tema principal da produção artística de J. Mérito. Ao fixar em telas as imagens patrimoniais de Laranjeiras, o artista contribui com a preservação e, ao mesmo tempo, com a divulgação da cidade que foi considerada no século XIX, o centro cultural e comercial da Província de Sergipe.

 

Indique um amigo para ler a coluna: claudionunes@infonet.com.br

 

Frase do Dia

“Na democracia, um partido sempre dedica suas principais energias tentando provar que o outro partido não está preparado para governar. Em geral, ambos são bem-sucedidos e têm razão.” Henry Louis Mencken, jornalista norte-americano (1880-1956).

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários