Dever ético X Compra de voto

0

 

 

  O ministro do STF Carlos Britto fez pronunciamento na tevê, ontem, 31, em rede nacional, na qualidade de Presidente do Tribunal Superior Eleitoral, TSE. Falou sobre as eleições municipais, enfatizando que votar é um deve cívico e o eleitor deve encarar a eleição como uma festa da democracia, votando livremente nos nomes do prefeito, vice-prefeito e vereador. Fugindo dos compradores de voto, considerando um ato importante, um dever ético.

 

  O ministro Carlos Britto, o sergipano que todos conhecem pela sua decência e conhecimento profundo das leis como jurista consagrado, informou que o sistema eleitoral, comandado pelo TSE está preparado para as eleições municipais próximas, usando urnas eletrônicas, desejando a todos os eleitores calma e decisão na hora de votar.

 

A fala do ministro Carlos Britto, o tão estimado sergipano Carlinhos, tradicional pela sua decência e competência na condução da sua vida e nos cargos que ocupou, reafirmou a defesa da ética e a luta contra a corrupção. A fala de Carlos Britto faz lembrar a todos que a maior parte da culpa por existir tanta corrupção e desmandos na vida pública e tanta impunidade, recai para os próprios eleitores, que se deixam enganar, a cada eleição, vendendo o voto por dinheiro vivo ou por favores e sem se preocupar em seguir o que o candidato em quem votou está fazendo.

 

Falando pouco e somente o necessário, o pronunciamento oficial de Carlos Britto foi bem recebido. Cabe a cada eleitor pensar muito antes de votar e procurar saber quem vai merecer o seu voto se é uma pessoa da sua confiança e pode mesmo contribuir para o progresso da sua cidade, na solução dos tantos problemas das ruas, da educação, da saúde e tudo mais. Caba a cada um votar com a consciência.

 

Aumentam chances de Sergipe

Depois da determinação do presidente Lula em encontrar uma solução para reduzir a dependência do país dos fertilizantes, esta semana foi realizada uma reunião comandada pela ministra da Casa Civil, Dilma Roussef, com o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, o ministro da Agricultura Reinold Stephanes e a diretoria da Petrobras ficou definindo um grupo para debater as ações na área, entre elas, a possibilidade da ampliação da Fafen em Sergipe.

 

José Eduardo participa de grupo a convite de Dilma

O atual presidente da BR Distribuidora, José Eduardo Dutra, por ter conhecimento de todo o sistema e da antiga Petromisa em Sergipe foi convidado por Dilma Roussef para fazer parte deste grupo. Sem dúvidas, com a presença de José Eduardo, as chances de Sergipe, da ampliação da Fafen virar realidade, aumentam mais ainda, depois do plano de ampliação entregue pelo governador ao presidente da República.

 

Decisão de governo e estratégica

O presidente Lula, nas últimas entrevistas, vem dando o tom de que é preciso reduzir a dependência do país dos fertilizantes importados, que hoje chega a 75%. Precisa ser uma decisão de governo através de uma visão estratégica para o país, já que se for confirmada a ampliação da Fafen os resultados não serão imediatos. No outro lado a Vale já está fazendo a parte dela em Sergipe para continuar explorando a mina de Rosário com o fim do potássio. Os adubos tiveram aumentos superiores a 100 em um ano.

 

Corpo de Zezinho da Everest velado na Igreja do Carmo

Desde ontem à noite está sendo velado na Igreja do Carmo, em São Cristovão o corpo do prefeito afastado, José Correia Santos Neto, o Zezinho da Everest. O enterro será às 10hs no cemitério local. A causa primária da sua morte foi falência múltipla de órgãos, que foi causada por leptospirose. Zezinho está internado no hospital desde o fim da tarde da quarta-feira, 30. Os primeiros exames clínicos indicam que ele contraiu leptospirose, porém o diagnóstico só será confirmado com exames laboratoriais.

 

Zezinho estava afastado do cargo

Desde o final do ano passado Zezinho da Everest estava afastado do cargo de prefeito por decisão judicial, por denuncias de improbidade administrativa. Ele chegou a recorrer ao Superior Tribunal de Justiça – STJ, mas o ministro Raphael de Barros Monteiro Filho, indeferiu o seu pedido para retornar ao cargo sob a alegação de evidente risco de dano à ordem pública. Zezinho que tinha 46 anos foi eleito em 2004 prefeito de São Cristovão obtendo 17.001. votos. Em 2006 elegeu o irmão, professor Wanderlê, deputado estadual. O grupo político dele apóia hoje o atual prefeito, Alex Rocha, que é candidato.

 

Vice-prefeito morreu em 2005

Em 11 de novembro de 2005, o vice-prefeito de São Cristovão, Vanderlei Barbosa faleceu vitima de infarto fulminante.

 

Vacância no cargo provocará eleição na Câmara

Dois juristas consultados por este jornalista disseram que com a morte de Zezinho da Everest ocorre de fato a vacância do cargo de prefeito, já que antes ele estava afastado por decisão judicial. Com isso a Câmara de São Cristovão deve eleger um prefeito tampão até dezembro. O atual prefeito Alex Rocha é vereador e assumiu a prefeitura porque o vice-prefeito tinha falecido.  

 

Crime e Castigo

De um leitor: Em Lagarto, a justiça eleitoral indeferiu o registro da candidatura de José Adislon. Motivo: é tido como analfabeto, não reúne a mínima condição de ocupar um mandato. O cidadão seria candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada pela doutora Luiza Ribeiro (PTdoB), logo ela que neste período de campanha tem dito que o eleitorado precisa valorizar os políticos com bom currículo escolar e cultural. Como castigo, a chapa do PTdoB está, por enquanto, impugnada. Pensando bem, nos últimos tempos Lagarto tem sido um péssimo exemplo nessa questão de políticos que tropeçam no quesito da cartilha. E há quem ache que é isso mesmo e que tudo está muito bem. Felizmente no Lagarto existem juíza eleitoral e Ministério Público atentos. Esperar que o eleitorado faça o mesmo.

 

Política de qualificação da mão-de-obra em Carmópolis I

Na semana passada, a revista Veja, publicou uma matéria especial com o título “Petróleo – Combustível de 1.000 cidades”, citando casos aonde a Petrobras chegou e mudou a realidade dos municípios. De Sergipe, é citado o município de Carmópolis, mostrando que a cidade vivia até a década de 60 da cana-de-açúcar e hoje tem 1.400 torres da Petrobras que extraem óleo do solo. Cita que a cidade tem 12 mil habitantes, 80 empresas prestam serviços a estatal e 10 mil trabalham diretamente ou indiretamente no setor.

 

Política de qualificação da mão-de-obra em Carmópolis II

O problema é que grande parte destes trabalhadores, cerca de 80% não é de Carmópolis. Ou seja, o dinheiro não circula no município e os jovens não são aproveitados também. Tudo porque ainda não entrou um prefeito preocupado com a qualificação da mão-de-obra local. É preciso que o próximo prefeito realize uma parceria com a Petrobras para preparar os jovens de Carmópolis, para trabalharem em diversas áreas e nas empresas terceirizadas. Chega de assistencialismo barato que não constrói o desenvolvimento da cidade.

 

“Gatos” de olho nos royalties de Carmópolis

O município de Carmópolis tem uma receita mensal média de R$ 4 milhões. o município poderia ser um modelo se tivesse uma administração preocupada com o desenvolvimento de sua população. Infelizmente a marca principal é o assistencialismo que permeia ainda a mente da maioria dos administradores. Assim como Canindé, apareceu gente de outros municípios de olho nos royalties de lá. Mas a população está escaldada.

 

O favorito

Alem da campanha milionária do PP/DEM em Carmópolis chama à atenção  a campanha do Vereador Decio Neto (PPS) movida a trio elétrico, carros de apoio, jingle, muitos cartazes e variados recursos de campanha. Décio é o candidato da preferência pessoal do empresário Sergio das Graças, marido da candidata Leninha da Graças e do atual prefeito Volney Alves Leite.

 

Iluminação da Avenida Delmiro Gouveia

O presidente da Emurb, Valmor Barbosa garantiu que a iluminação da Avenida Delmiro Gouveia, que está sendo reformada e ampliada a circulação de veículos, não será aquela que está hoje e assustando quem passa no local. Ele informou que a Energisa elaborou um projeto bonito, inclusive com os cabos sendo instalados no subterrâneo para que não sejam roubados. É esperar.

 

Trânsito na Avenida Delmiro Gouveia

Já aumentou sensivelmente o trânsito de veículos na Avenida Delmiro Gouveia sentido Coroa do Meio/Centro. Com isso muitos motoristas que moram na região estão tendo dificuldades para sair dos retornos nas imediações da Coroa do Meio, que são pequenos. É preciso que a SMTT encontre uma solução viável para o problema como também melhorar os retornos no sentido que possibilitem uma visão mais ampla para os motoristas.

 

Funcionamento da delegacia regional de Propriá I

Do delegado regional Wanderson Andrade: “Prezado Cláudio Nunes, tendo em vista a imensurável credibilidade de que goza a coluna editada por V.S.ª, junto ao portal Infonet, achamos de bom alvitre oferecer explicações no tocante a uma nota nela publicada no dia 31 de julho, dando conta de que os cidadãos de Propriá seriam atendidos na delegacia da citada urbe tão-somente até as 11h. Com efeito, isso, nem de longe, corresponde à verdade. A rigor, e considerando, em primeiro lugar, o princípio da eficiência, estampado no art. 37 da constituição federal, e, em segundo, o insuficiente efetivo de policiais que possuímos, entendemos conveniente e oportuno estabelecer que os registros de ocorrência, em regra, seriam concentrados no período matutino (das 8h às 12h), sendo o período vespertino (das 14h às 18h) dedicado a lavraturas de termos circunstanciados, oitivas relacionadas ao andamento e à conclusão de inquéritos policiais, diligências externas, do tipo cumprimento de mandados das mais diversificadas espécies ou levantamentos de circunstâncias que possam levar à elucidação de determinados ilícitos, elaboração de relatórios em IP, expedição de ordens de serviço, cumprimento de quotas promotoriais, bem como de requisições, tanto do colendo judiciário ou do próprio MP, etc. Isso, ressalte-se, traduziu um mecanismo por intermédio do qual tentamos potencializar a reduzida mão-de-obra de que podemos dispor, a qual deve dar respostas rápidas e satisfatórias a uma elevada demanda, vez tratar-se a delegacia de Propriá de uma unidade regional.

 

Funcionamento da delegacia regional de Propriá II

Continua o delegado: “Tal implementação, todavia, não implica dizer que uma ocorrência reputada grave não possa ser registrada à tarde. Sucede que a grande maioria das ocorrências que chegam à delegacia de polícia diz respeito a crimes contra a honra (calúnia, difamação e injúria), delitos que, pela sua própria essência, não reclamam um atendimento premente, até porque a lei 9.099 os põe na envergadura de ilícitos de menor potencial ofensivo. Ademais, pelo menos em princípio, a incolumidade física da eventual vítima não estaria em xeque nessas situações. No entanto, ali onde, mesmo que vespertinamente, chegue a esta unidade policial, a título meramente exemplificativo, uma lesão corporal, um crime contra o patrimônio perpetrado com violência ou grave ameaça, um homicídio etc., o cidadão haverá de registrar sua ocorrência no ato, sem empecilhos. No mais, colocamo-nos ao inteiro dispor dessa perlustrada coluna para ulteriores esclarecimentos”. Atenciosamente, Wanderson Andrade, delegado municipal de Propriá.

 

TCU condena ex-diretores de Escola Agrotécnica Federal

 Auditoria do Tribunal de Contas da União (TCU) identificou sobrepreço na compra de equipamentos eletrônicos para a Escola Agrotécnica Federal de São Cristóvão (EAFSC/SE). O TCU condenou a ex-diretora Cláudia Maria Lima Dantas, os ex-membros da Comissão Permanente de Licitação Joseberg Trindade Costa, João Canuto Maia Novaes e Adailton Álvares Carvalho e a empresa B&S Comércio a pagar R$ 17.374,20, valor atualizado. Segundo apuração, aparelhos de televisão, videocassetes, antenas parabólicas e computadores foram adquiridos por preços bem acima dos encontrados no mercado. Um computador, por exemplo, que pode custar até R$ 3.350,00, foi comprado por R$ 4.895,00. A comparação, de acordo com o relator, ministro Aroldo Cedraz, usou os maiores preços pesquisados.O TCU também encontrou falhas, como dispensas de licitação, fracionamento de despesas e pagamento de benefícios indevidos, e fez diversas determinações à EAFSC para que evite e repare os erros. Os envolvidos também deverão pagar multa de R$ 1 mil ao Tesouro Nacional no prazo de 15 dias. Cabe recurso da decisão. Cópia da documentação foi enviada à Procuradoria da República em Sergipe.

 

Cezar Britto defende abertura dos arquivos da ditadura

O presidente nacional da OAB, Cezar Britto, defendeu ontem, 31, a abertura dos arquivos da Ditadura Militar como forma de informar às gerações atuais as “atrocidades” cometidas naquela época. O governo começou a discutir nesta quinta, formalmente, se os torturadores do regime militar (1964-1985) foram ou não perdoados pela Lei da Anistia e se o Estado deve ou não propor ao Congresso uma legislação que permita processá-los. Até hoje, a Lei da Anistia, de 1979, tem sido interpretada como um perdão coletivo para torturadores e militantes políticos que cometeram atos terroristas no tempo da ditadura. Só recentemente, com dois processos abertos em São Paulo, é que essa interpretação começou a ser questionada, informa reportagem da Agência Estado. “Como transformamos a anistia em amnésia, as gerações atuais não sabem o que aconteceu no passado, não têm idéia de como famílias foram perseguidas, como pessoas foram enclausuradas, espancadas, mortas e enterradas sem que suas ossadas até hoje tenham sido encontradas. Como não viveram aquele período e dele nada sabem, até porque os livros de história pouco falam daquela época, a geração atual tem repetido erros que são próprios daquele período nefasto”, afirmou Britto durante a audiência. (Conjur).

 

Escola de Costura e Artesanato em Laranjeiras

 Será lançado hoje, 01, às 15h, o projeto Escola de Costura e Artesanato de Pedra Branca, em Laranjeiras. A escola será coordenada pela Associação de Costureiras e Artesãs de Pedra Branca e conta com o patrocínio da Petrobras, através da FAFEN-SE.

O projeto, envolvendo 60 jovens e adultos da comunidade, foi criado para ampliar as atividades da Associação, que confecciona fardamento profissional em escala de produção industrial. Os participantes serão capacitados nos cursos de produtos artesanais, industriais, gerenciamento da Qualidade ISO 9001/2000, 5S na Organização, além de novas técnicas de patchwork( trabalho com retalhos), tendo como objetivo a busca de novos mercados, o que possibilitará  oportunidades de trabalho e geração de renda.

 

 

Exposição procurou valorizar Senhor do Labirinto

Muito bom o olhar do artista plástico José Siqueira sobre os trabalhos do sergipano Arthur Bispo do Rosário, com quadros versando sobre a temática e figuras do mundo de Arthur. José Siqueira continua expondo não espaço cultural Semear da Petrobrás, na rua Vila Cristina.Muito elogiável quando o artista divide o foco da sua arte com coisas e pessoas relevantes do seu meio. Tudo isso promove mais o filme que está sendo feito sobre Arthur Bispo, aqui mesmo em Sergipe.

 

Leitor reclama versos de Tonho Pereba

De um leitor: “Após divulgar tantos versos, trovas ferinas sobre o apoio a impunidade dada surpreendente pelo  presidente do STF, graças a qual Daniel Dantas, o banqueiros corrupto e outros andam desafiando a Justiça, Tonho Pereba não forneceu mais criações poéticas? Queremos Tonho Pereba!”

 

Esse negócio de cadeias e penitenciárias…

De um leitor: “Repare bem, quando o governo federal, junto com o Congresso e a justiça (não essa que manda soltar colarinhos brancos) se unirem e resolverem por em prática um plano ou programa penitenciário amplo com a construção de presídios onde os presos trabalhem e estejam seguros e bem guardados e cadeias decentes por todo o país, esse negócio será resolvido. O resto é blá, blá, blá… medidas paliativas, construção de uma cadeia aqui, uma pequena penitenciária ali e que já começam a funcionar sem estrutura….”

 

Aperipê no 27º Encontro da Abepec

Dando continuidade ao trabalho de desenvolvimento e evolução do sistema brasileiro de emissoras públicas, a presidente da Fundação Aperipê de Sergipe, Indira Amaral, participa do 27º Encontro da Associação Brasileira de Emissoras Públicas Educativas e Culturais – Abepec –, em Belém, no Pará. O encontro acontece até hoje, 01, no Hangar – Centro de Convenções da Amazônia, e pretende discutir e problematizar sobre os novos rumos de ação política da Abepec, da qual Indira faz parte como vice-presidente de Marketing e Captação de Recursos.A abertura do encontro ocorreu no dia 30 de julho, com a fala da anfitriã Regina Lima, presidente da TV Cultura do Pará, e as boas-vindas da governadora do Estado, Ana Júlia Carepa, e do presidente da Abepec, Antônio Achilis. Dentre as pautas de trabalho do encontro se destacam o balanço das atividades da entidade e as discussões sobre a Conferência de Comunicação, a Lei Geral de Comunicação Eletrônica de Massa, as novas políticas públicas na área de televisão, a nova visibilidade na Abepec no cenário nacional e informações sobre o cinema e a TV Pública.

 

Justiça determina recondução de gerente da Caixa I

O juiz Guilherme Carvalheira Leal, da 3ª Vara do Trabalho, julgou procedente a ação movida por Antônio Fagundes Costa Júnior contra a Caixa Econômica, declarando a nulidade da retirada de sua função e determinando a recondução ao cargo num prazo de dez dias – a partir da intimação do banco -, sob pena de pagamento de multa no valor de R$ 10 mil por cada dia de atraso. Foram garantidas ainda, de forma retroativa, todas as vantagens e gratificações inerentes ao cargo. Fagundes ajuizou a ação contra a Caixa, impetrada pelo escritório Fernandes Advogados Associados, que faz assessoria para o Sindicato dos Bancários de Sergipe, após ter sido descomissionado por ter participado da greve de 2007. Na função desde 2001, no ano passado ele perdeu o cargo que exercia na agência do município de São Cristóvão, em retaliação à participação no movimento paredista, conforme ficou provado judicialmente.

 

Justiça determina recondução de gerente da Caixa II

Foi determinante na decisão a declaração de Ana Maria Costa de Menezes, gerente geral da Caixa e chefe imediata do funcionário, pois confirmou que não tinha motivos e se recusou a tirar o cargo de Fagundes. No seu depoimento, ela relatou que houve uma reunião, presidida pelo superintendente da Suatb, Nelson Antônio, na qual ele advertiu que os gerentes que entrassem em greve perderiam o cargo. “Tanto isto é verdade que a própria testemunha do banco, o gerente regional Marco Antônio Queiroz, afirmou que a perda de comissão de funcionários obedece a alguns critérios, e quem avalia é o gerente geral da agência. Se ela afirmou que não havia motivos para destituí-lo, que não houve uma avaliação de critérios, não há dúvida de que a decisão transcendeu ao mero exercício da função de confiança”, justificou o advogado Thiago D’ Ávila Fernandes.

 

Massa acrítica

Este jornalista leu em algum lugar que o sonho dos atuais donos e mandatários da mídia televisiva é ter como  audiência uma imensa massa acrítica, sem ter uma real capacidade de análise. Isso é o que indica tantas programações idiotas, tipo Big brother e outras permanentes, parecendo que se despreza a inteligência do espectador Para completar essa notinha, leia a frase a seguir de um dos nossos maiores humorista e escritor.

 

Frase do Dia

“O ser humano ainda não tinha aprendido a amar o próximo e já tinha inventado a televisão, que ensina a desprezar o distante”. Millôr Fernandes.

 

 

 

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários