FOI POR ISSO QUE ARACAJU DEU CERTO!

0

Nos últimos 25 anos, Aracaju vem se transformando em uma das mais belas capitais brasileiras. E quem tiver a oportunidade de circular pelo país, vai poder constatar isso com riqueza de detalhes. A pequena Aracaju, com pouco mais de 500 mil habitantes, é, hoje, sem a menor sombra de dúvida, a cidade que apresenta o melhor índice de qualidade de vida entre cidades brasileiras do mesmo porte, superando, inclusive, as demais em qualquer setor que possa ser avaliado: segurança, limpeza, transporte, educação, saúde.

Não falo isso por ser sergipano. É a mais pura verdade dos fatos. Quem conheceu Aracaju há alguns anos e retornou agora para visitá-la, com toda a certeza, ficou deslumbrado.

Mas esse desenvolvimento não aconteceu por obra do acaso. Ao longo dos anos, Aracaju contou com prefeitos e governadores que fizeram valer os seus mandatos, carreando recursos e priorizando o desenvolvimento da capital.

Desde Aloysio de Campos – que deixou projetos importantíssimos prontos para serem executados – a capital sergipana não foi mais a mesma.  Basta relembrar algumas administrações passadas: o então prefeito João Alves Filho, por exemplo, destacou-se ao abrir 17 novas avenidas, pavimentar dezenas de ruas, construir postos de saúde e escolas. Outro destaque importante, que não poderia deixar de ser reconhecido, vai para o prefeito Jackson Barreto ao modificar radicalmente a face dos bairros da periferia, dando-lhes condições dignas de habitabilidade. Podemos citar até mesmo prefeitos de curta passagem pela PMA, como José Carlos Teixeira, Viana de Assis (até hoje celebrado pelo calçadão da 13 de julho) e Almeida Lima, que realizou uma administração primorosa, em apenas dois anos, sem contar com os fartos recursos hoje disponíveis.

Recentemente, Aracaju também teve a felicidade de contar com o trabalho abnegado do ex-prefeito João Augusto Gama. E façamos justiça a sua administração: nunca tantas obras importantes foram realizadas em tão curto espaço de tempo. A cidade virou um impressionante canteiro de obras. É bem verdade que a ajuda providencial do ex-governador Albano Franco facilitou muito as coisas. Foi uma parceria que deu certo (Novo Mercado, Av. Melicio Machado, nova pista interligando a praia do Sarney à Atalaia, a passarela do caranguejo, iluminação da entrada de Aracaju, entre tantas outras).

Finalmente, temos, sim, que comemorar os últimos 5 anos com Marcelo Déda à frente da prefeitura e João Alves no governo. Apesar das criticas pela lentidão e qualidade das obras realizadas pela administração Déda, não podemos deixar de reconhecer que a cidade está bem cuidada. E praças e ruas limpas deixam sempre uma boa impressão para quem nos visita.  Por outro lado, as obras estruturantes do Governo do Estado na capital têm sido importantíssimas para a transformação de Aracaju no que é hoje: a melhor cidade do Nordeste – quiça do país – para se viver.

Pois é: foi por isso, caro leitor, que Aracaju deu certo!

O texto acima se trata da opinião do autor e não representa o pensamento do Portal Infonet.
Comentários