Os ventos da mudança geram progresso. O medo atrofia a evolução

0

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter.” Cláudio Abramo.

E se Cabral não tivesse cruzado o Atlântico? Se Santos Dumont esmorecesse na primeira tentativa de voo do 14 Bis? Se Sir Isaac Newton tivesse ignorado a queda da maçã? Se Abraham Lincoln fosse vencido pelo medo e não pacificasse os Estados Unidos? Se Isabel, a redentora, não abolisse a escravatura no Brasil Império? Se Dom Pedro I se dobrasse às cortes portuguesas e não declarasse a independência do Brasil? Pois é, amigo leitor, a mudança é movida pela dinâmica, jamais pela estática. Lenta e gradual. Mas cedo ou tarde ela chega e nem o dinheiro, o poder político, crenças e crendices impedem. Sem o medo provocado ou estimulado não obstaculiza.

Assim foram estas eleições no Brasil. Seja por quais motivos, o eleitor fez aquilo que tanto se cobrava há muitos anos: tirar do cenário político muitas figuras que dominavam e decidiam os rumos da política nacional. Estas mudanças não foram provocadas pelo medo. Pelo contrário: foi a busca de dias melhores, de novos rumos, de testar formas novas de administrar.

A renovação na Câmara de Deputados alcançou 52% nas eleições de 2018 e 267 novos deputados federais vão assumir o mandato no próximo ano. No Senado, de um total de das 54 vagas em disputa neste ano, 46 serão ocupadas por novos nomes, renovação de mais de 85%. Foi a mais ampla renovação do Senado desde a redemocratização do país. Domingo foi o dia de seis governadores serem derrotados nas urnas pelos eleitores.

O certo é que o eleitor brasileiro deu um duro recado “sem medo de ser feliz” para todos os que duvidaram que a mudança chegaria. E como profetiza a bela música eternizada na voz de Elis Regina: “Mas é você/ Que ama o passado / E que não vê / É você / Que ama o passado / E que não vê / Que o novo sempre vem”.

Blog só será atualizado no sábado, 13 Devido ao feriado de Nossa Senhora Aparecida, Padroeira do Brasil, o blog só volta a ser atualizado no sábado, 13. “Nossa Senhora, me dê a mão. Cuida do meu coração. Da minha vida. Do meu destino. Do meu caminho, cuida de mim!”

Lagarto: para apoiar Belivaldo, Valmir Monteiro tem que passar pelo crivo dos Reis E em Lagarto o segundo turno pega fogo. Ontem, 10, o portal Lagarto Notícias publicou matéria onde Jerônimo Reis revelou que o prefeito de Lagarto, Valmir Monteiro, procurou Rogério Carvalho, senador eleito apoiado por ele, e se dispôs a apoiar Belivaldo. Jerônimo disse que Belivaldo já deixou claro que “quem quiser apoiá-lo em Lagarto não terá nenhum impedimento, mas terá que passar pelo consentimento da família Reis, bem como ficar atrelado ao projeto político do grupo para futuras disputas.” A matéria.

Apoiadores de Belivaldo em Glória estão rindo do passeio político do deputado Jairo Ele apoiava Belivaldo, pulou pra Amorim, depois mudou pra Valadares Filho e agora, sem ter obtido sucesso na reeleição, volta aos braços de Belivaldo. O filme mais assistido em Glória é: “Cargos que atraem.”

Há quem aposte que Jackson ainda esteja tentando digerir o resultado das urnas Mas um líder municipal jurou para esta coluna que ele já está se movimentando de forma silenciosa para que o comando do Estado continue com o seu bloco. Jackson tem muitos familiares que dependem dele e que se acostumaram com os cargos públicos.

Dr. Souza na Academia de Letras O médico Antônio Carlos Sobral Souza, o Dr. Souza, é o mais novo imortal de Sergipe. A eleição, pela unanimidade dos 28 membros da Academia Sergipana de Letras presentes à votação, aconteceu na sessão desta segunda-feira. Ele vai ocupar a cadeira nº 18, antes ocupada por Dom Luciano Cabral Duarte, que foi arcebispo metropolitano de Aracaju.

História Dr. Souza é médico cardiologista e professor titular de Cardiologia da Universidade Federal de Sergipe, além de escritor com obras também na área cientifica. Após a votação, ele, com familiares, recebeu em sua residência a comissão de imortais, liderada pelo presidente Anderson Nascimento, que foi comunicar a eleição.

Sergipe está jogado às traças Desde o dia 01 de outubro de 2018 não é mais aceito adolescentes em conflito com a Lei na Usip, tudo por causa da incompetência administrativa do atual governo, que não soube aplicar os recursos para a construção da nova unidade destinada aos adolescentes. Um desrespeito aos cidadãos sergipanos, que ficam agora mais abismados com a libertação de perigosos infratores, por que não se tem um local para eles, bem como um recado para estes menores, afirmando que não tem interesse em sua recuperação.

Sem GTA Ontem, 10, ocorreu um sequestro de uma criança que foi levada para um manguezal e, infelizmente, não temos o GTA, que seria muito útil para sua localização, mas mais uma vez a incompetência de um governo aflora e torna claro o desrespeito à população. Até quando?

Haddad recebe apoios de governadores nordestinos. Belivaldo não compareceu
O discurso sinuoso de Belivaldo ao acusar seus adversários de ter abandonado o PT durante o impeachment ganha novos contornos. Depois de passar todo o tempo como vice-governador sem dar uma declaração sequer, de nunca ter ido visitar Lula na prisão, agora ele faltou a uma reunião de governadores com Fernando Haddad ocorrida ontem, 10. Participaram do encontro os governadores Rui Costa, da Bahia, Ricardo Coutinho, da Paraíba, Paulo Câmara, de Pernambuco, e Wellignton Dias, do Piauí.

Patrões negam reajuste salarial e negociação do acordo coletivo dos trabalhadores do comércio e serviços não avança O patronato do comércio de Sergipe nega reajuste salarial e melhores condições de trabalho para trabalhadores do comércio e serviços e negociação do acordo coletivo não avança. Tem mais: os empresários ainda estão exigindo que a categoria atue em todos os feriados, trabalho extra sem remuneração, banco de horas e implantação do trabalho intermitente.

Dificuldades para os trabalhadores É o que explica Ronildo Almeida, presidente de Federação dos Empregados no Comércio e Serviços de Sergipe (Fecomse) e sindicatos filiados. “Fica difícil cada dia mais a vida dos trabalhadores e trabalhadoras, sem reajustes salariais, com jornadas excessivas, acúmulos de funções, pressões psicológicas, assédios, metas a cumprir. É o terror no dia a dia dos empregados das lojas, supermercados, farmácias, concessionárias de veículos, material de construção e tintas, atacadista e varejista do comércio em geral”, conta Almeida.

Rodadas Segundo Ronildo, já houve várias rodadas de negociação, mas o patronato não quer o fechamento das convenções. “Precisamos criar regras para barrar essa escravidão branca nos dias de hoje, é preocupante o descaso e o desrespeito pelos trabalhadores nesses ramos de atividades. O relacionamento entre capital e trabalho cada dia fica pior, os lucros na visão patronal é o que importa. Gente não representa nada na visão capitalista. É terror e ameaça sendo oficializados nesse relacionamento desrespeitoso. Alguns trabalhadores já estão sem reajuste ou aumento salarial há alguns anos, uma vergonha por essa elite empresarial que posa de humana”, protesta Almeida.

Data-base Os trabalhadores e trabalhadoras do comércio e serviços reivindicam, entre outros pontos, reajuste e aumento salarial e melhorias nas condições de trabalho. Apesar de a proposta ter sido aprovada nas assembleias gerais da categoria e já entregue ao setor patronal desde o ano passado, as discussões ainda não avançaram para o fechamento das convenções coletivas, cuja data-base é em janeiro.

Músico sergipano Ivan Reis terá clipe gravado no projeto Gravando Bandas Neste feriadão, de 12 a 14 de outubro, Aracaju receberá a Oficina Gravando Bandas, ministrada por Derick Borba, referência nas áreas de Marketing e Edição. Promovido pela empresa Action Criações, o projeto já fez história com as bandas NX Zero, CPM22 e Deadfish, e agora chega à capital sergipana para a gravação do clipe do cantor estanciano Ivan Reis, escolhido pelo público através de enquetes nas redes sociais. As filmagens ocorrerão no Hotel Sesc Atalaia e toda a edição do videoclipe será realizada nos novos e modernos computadores do AppleLAB do Senac Sergipe.

Público alvo A oficina é voltada para estudantes, professores, publicitários, líderes de TI, designers gráficos, videomakers, jornalistas, arquitetos, fotógrafos, retocadores de imagem, editores de vídeo, finalizadores, animadores, desenhistas, coloristas, artistas plásticos, diretores de criação, desenvolvedores de softwares e aplicativos, programadores e simpatizantes das ferramentas Adobe.

Atuação da Fundat O fim de ano se aproxima trazendo oportunidades para quem quer se preparar para o mercado de trabalho. A Fundação Municipal de Formação para o Trabalho (Fundat) está com inscrições abertas para 295 vagas de cursos livres, distribuídas em 17 turmas e nove cursos, pertencentes aos eixos de Informação e Comunicação, Produção Cultural e Design, Gestão e Negócios e Produção Alimentícia. A boa notícia foi destacada pelo vereador, Vinícius Porto durante a sessão plenária de ontem, 10, na Câmara de Vereadores de Aracaju.

Preocupação De acordo com Vinícius Porto, a iniciativa mostra a preocupação da administração municipal de Aracaju em auxiliar na formação das pessoas para a busca de uma oportunidade no mercado de trabalho, cada dia mais exigente. “As empresas têm buscado pessoas alinhadas às novas tendências dos mercados e dispostas a se manterem sempre atualizadas e preparadas para oferecer visões estratégicas. Hoje em dia não basta saber o básico, é importante ter mais experiência, mais cursos, mais conhecimento, mais técnica”, disse ele.

Ações Para o vereador, com a realização dos cursos de qualificação, o prefeito Edvaldo Nogueira, dar um importante passo quanto ao desenvolvimento econômico de Aracaju. “O parlamentar também parabeniza o presidente da Fundação, Jorge Araujo Filho pelas ações desenvolvidas com foco na redução do índice de desemprego na capital, por meio da busca ativa por captação de novos postos de trabalho, através de parcerias com o empresariado.
.
PELO ZAP DO BLOG CLÁUDIO NUNES – (79) 99890 2018                                                   

As fotos enviadas pelas paciente da situação do posto de saúde.

Aracaju: posto de saúde com péssimas condições para realizar exame de lâmina Pelo zap: “Gostaria de fazer uma denúncia, mas por favor não mim identifique. Hoje no posto de Saúde Cândida Alves localizado na Rua São João fui fazer exame de lâmina e fiquei horrizada com as condições para a realização do exame é um absurdo. Não culpo a enfermeira até porque ela trabalha com o que tem. Agora só pode ser falta de gestão, a enfermeira saiu procurando uma lâmpada e tentou até usar a lanterna do celular. Prefeito Edivaldo tome as providências, secretaria de saúde do município vá visitar os postos para a senhora vê as coisas erradas.”

PT não: movimentos de direita se unem em Sergipe Da assessoria do Movimento Brasil200: “Formou-se no dia de ontem um grande agrupamento da direita em Sergipe, em uma reunião de líderes e movimentos locais que se manifestam em oposição ao Partido dos Trabalhadores. O chamamento lotou um auditório e contou com dezenas de pessoas dos quatro cantos do estado, que possuíam um objetivo em comum: garantir os votos suficientes para a eleição segura do candidato em oposição ao PT, Jair Bolsonaro. O encontro em torno do diretório estadual do PSL foi promovido pelo Movimento Brasil200, movimento que defende valores liberais para a economia e conservadores para as questões de costumes. Estiveram por lá também diversas entidades sociais, empresariais, federações, lideranças evangélicas, ex-candidatos, representantes de outros partidos, além dos movimentos MBL e Direita Sergipana. Foi um encontro histórico de grupos e entidades que até então agiam isoladamente, e que a partir de então, passarão a atuar de forma coordenada até às eleições, tanto na capital, como no interior. Diversos atos já estão sendo programados, e materiais já estão sendo providenciados para serem distribuídos em todo o estado.”

Prefeitura de Aracaju continua desrespeitando moradores da Rua Manoel Gomes, no Bairro Luzia De alguns moradores: “Nós moradores da Rua Manoel Gomes da Rocha,

A Rua Manoel Gomes da Rocha cheia de buracos.

não sabemos mais a quem recorrer. Já entraram por várias vezes em contato com a Emurb para realizarem uma operação tapa buracos no local, mas nada. Um absurdo, principalmente quando chove. O trecho da rua que dá acesso a Avenida Hermes Fontes, no Bairro Luzia é um dos piores conforme a foto que estamos enviando ao blog. É muita falta de respeito da Prefeitura de Aracaju.”

 

PELO E-MAIL E FACEBOOK

 

Fato raro, raríssimos! Por Antônio Samarone.

Entre os finalistas ao Prêmio Jabuti, o mais tradicional prêmio literário do Brasil, na categoria biografia”, ao lado de gente famosa (Jô Soares, Artur Xexéo, Lilia Moritz Schwarcz, Anita Leocadia Prestes, Claudio Bojunga), apareceu um tabaréu de Itabaiana, o historiador Anderson da Silva Almeida.

Um sergipano com destaque nacional. Gente, é hora de festa. A obra “…como se fosse um deles: Almirante Aragão – Memórias, silêncios e ressentimentos em tempos de ditadura e democracia” (Editora da Universidade Federal Fluminense – Eduff), de Anderson da Silva Almeida, antes que Sergipe tomasse conhecimento, é reconhecida nacionalmente.

A obra finalista, mergulha na trajetória do militar paraibano, Almirante Aragão, que ficou contra o Golpe de 1964. Aragão foi perseguido implacavelmente pelos agentes da repressão, falecendo no ostracismo em 1998. A esquerda esqueceu o Almirante.

Em 2010, Anderson da Silva teve a sua dissertação de mestrado premiada pelo Arquivo Nacional, e publicada em 2012 sob o título “Todo o leme a bombordo: marinheiros e ditadura civil-militar no Brasil”.

Anderson da Silva Almeida é membro da Academia Itabaianense de Letras. Estudou em Itabaiana, no Grupo Escolar Eduardo Silveira e no Colégio Estadual Murilo Braga. É graduado em História pela Universidade Católica do Salvador, especialista, mestre e doutor em História pela Universidade Federal Fluminense.

Anderson da Silva é autor de diversos capítulos em obras de circulação nacional e também atua como músico e diretor da Sociedade Filarmônica 28 de Agosto – SOFIVA – da cidade de Itabaiana.

Ainda não sei o resultado do prêmio, mas a vitória de Anderson da Silva com a sua obra já aconteceu. Ser finalista já é uma grande vitória. Sem influência de editoras, de padrinhos, da mídia, desconhecido até em Sergipe, ter o seu trabalho reconhecido nacionalmente é um grande feito. Palmas, muitas palmas.

Uma conclamação: intelectuais e acadêmicos sergipanos, vamos a leitura!

PELO TWITTER

www.twitter.com/deltanmd A liberdade de imprensa é essencial à democracia e à luta contra a corrupção. Críticas a jornalistas são legítimas, como a todos nós. Contudo, a violência verbal e física contra jornalistas e a imprensa, de ambos os lados da corrida presidencial, deve ser firmemente repudiada.

www.twitter.com/NatuzaNery “Mais de 120 jornalistas já foram vítimas de ataques”. Não há nada mais democrático do que a crítica (aos outros ou a qualquer um de nós). Não há nada mais antidemocrático do que a perseguição e a tentativa de intimidação.

www.twitter.com/anterogreco Ler (livro, aquele objeto que assusta muita gente), ouvir música (da boa), tomar café com leite e comer sanduíche de queijo.
Até logo, passar bem. Au revoir, arrivederci, adiòs, good-bye, sayonara, adéu, auf wiedersehen.

www.twitter.com/AlanMansur Sancionada lei federal que desburocratiza a Administração Pública. Por exemplo, não é mais exigida cópia autenticada e firma reconhecida.

www.twitter.com/andretrig

Tem gente que machuca os outros
Tem gente que não sabe amar
Tem gente enganando a gente
Veja a nossa vida como está
Mas eu sei que um dia a gente aprende
Se você quiser alguém em quem confiar
Confie em si mesmo
Quem acredita sempre alcança.
(Renato Russo)

Siga Blog Cláudio Nunes:

Instragram

 Facebook

 Twitter

Frase do Dia
“A mudança é a lei da vida. E aqueles que apenas olham para o passado ou para o presente irão com certeza perder o futuro.” John Kennedy.

Comentários