Agentes penitenciários decidem entrar em estado de greve

0
Ato do Sindipen (Foto: Arquivo / Portal Infonet)

Os agentes penitenciários de Sergipe decidiram, após assembleia, entrar em estado de greve a partir desta sexta-feira, 21. O intuito da ação é pressionar um acordo entre a categoria e o governo, mas sem a necessidade de uma paralisação geral. 

O agente penitenciário, Jobson Oliveira, explica que a categoria defende a isonomia salarial e a equiparação salarial entre os trabalhadores. “Caso o governo não atenda nossas pautas até o próximo dia 28, entraremos integralmente em greve”, afirma.

Ele ainda acrescenta que os agentes estão articulando uma estratégia que possa garantir os serviços nas penitenciárias. “Já estamos mobilizando os 600 agentes para que nossas ações sejam efetuadas com o percentual mínimo de 30% do efetivo”.

Governo

A Secretaria de Estado da Justiça e de Defesa ao Consumidor (Sejuc), por meio de sua assessoria de comunicação, informou que a negociação está avançada. “Está tudo se encaminhando para um acordo entre o governo e os agentes”, disse o assessor Marinho Tiba.

”O Secretário da Sejuc, Walter Pereira, esteve em reunião com a Secretaria de Estado do Planejamento, Orçamento e Gestão (Seplag) e a Procuradoria Geral do Estado de Sergipe (PGE) para tratar dos pontos reivindicados pelos agentes. É bem provável que aconteça o acordo nos próximos dias”, finaliza Marinho.

Por Geilson Gomes e Verlane Estácio

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais