Bebê encontrado em lixeira de hospital recebe registro provisório

0
Bebê foi abandonado na lata de lixo de um dos banheiros do Hospital Regional de Estância (Foto: SES/arquivo)

A juíza da 2ª Vara Cível de Estância, Tatiane Nascimento, emitiu uma determinação de registro provisório para o bebê encontrado na lixeira do banheiro da Hospital Regional Dr. Jessé de Andrade Fontes.

De acordo com informações do órgão, a decisão foi proferida nessa última terça-feira, 4, e seguiu para um cartório da cidade. O caso está sob sigilo judicial.

Entenda

No dia 1º de setembro, um recém-nascido do sexo masculino foi encontrado na lata de lixo da unidade hospitalar por funcionários. A criança foi encaminhada para a Maternidade Amparo de Maria, de onde obteve alta na última segunda-feira, 3, e foi encaminhado pelo Conselho Tutelar para a Casa Acolhedora de Estância.

A Polícia Civil realizou diligências sobre o caso e conseguiu localizar a mãe, uma adolescente de 16 anos. A genitora, que só confessou a gravidez quando foi submetida a um exame de sangue, disse à Polícia Civil que não sabia que estava grávida e que foi ao hospital, acompanhada da mãe, porque estava sentindo fortes dores de barriga. Ela disse também que foi ao banheiro com sintomas de diarreia e que nesse momento, deu a luz a criança, que caiu no vaso. A jovem contou ainda que teve medo da família e resolveu deixar a criança no lixeiro.

por Jéssica França

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais