Covid-19: terminais de ônibus são alvos de fiscalização do MPE

0
Segundo a Promotora de Justiça e Defesa do Consumidor, Euza Missano, o intuito da ação é verificar a existência de aglomerações e veículos superlotados (Foto: GSI/MPE)

Nas primeiras horas da manhã desta terça, 28, os Terminais de Integração de Aracaju (Mercado e, em seguida, o Terminal da Rodoviária “Velha”), foram alvos de fiscalização do Ministério Público Estadual (MPE), através do Gabinete de Segurança Institucional (GSI). Segundo a Promotora de Justiça e Defesa do Consumidor, Euza Missano, ação teve como objetivo verificar a existência de aglomerações e veículos superlotados.

Ainda segundo Euza Missano, o MPE já realizou uma audiência extrajudicial de forma virtual e, mesmo assim, na situação de ajuste da frota, não se tem conseguido resultado satisfatório. “Foi, inclusive, ajuizada Ação Civil Pública desde o dia 07 de abril. O Ministério Público aguarda concessão da liminar, para que a gente possa reduzir o impacto da contaminação pela Covid-19 na população de Aracaju’, destaca.

Missano também destaca que uma parcela da população ainda utiliza o transporte público porque é necessário para se deslocar aos postos de trabalho. “Essas pessoas precisam receber um tratamento digno e eficiente. São pessoas que não estão em aglomeração, porque desejam, mas porque necessitam fazer uso do transporte coletivo, que tem que ser disponibilizado de forma coerente, com qualidade, para dar dignidade aos consumidores transportados”, avalia a promotora.

por João Paulo Schneider  e Verlane Estácio

Comentários