Defesa Civil de Aracaju interdita caixa d´água após rachaduras

0

A Defesa Civil do Município de Aracaju interditou parcialmente a caixa d´água instalada pela Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso) no bairro Cidade Nova. De acordo com informações do secretário Luís Fernando Silveira, da Defesa Social do Município, a caixa d´água apresenta rachaduras em parte das paredes, o que coloca a população do bairro em risco.

A interdição ocorreu após denúncia da comunidade e do vídeo que circulou em grupos do aplicativo WhatsApp. Assista ao vídeo:

A equipe da Defesa Civil foi ao local e constatou as rachaduras na caixa d´água, que provocou vazamento de água. De acordo com o secretário, ficou determinado o esvaziamento da caixa d’água até o limite abaixo onde estão as partes rachadas e o nível da água será normalizado após os reparos que deverão ser realizados pela Deso.

Conforme alerta o secretário Luís Fernando, a interdição evita uma tragédia. Em Nossa Senhora das Dores, por exemplo, a estrutura de uma caixa d´água desabou sobre uma escola em novembro de 2017. No acidente, duas crianças morreram e outras 20 pessoas ficaram feridas. Os laudos constataram que o desabamento foi provocado por corrosão e diretores da Deso foram indiciados pela Polícia Civil por homicídio culposa e lesão corporal culposa.

O secretário da Defesa Social do Município de Aracaju alerta que a comunidade deve ficar atenta a ocorrências desta natureza e, ao perceber alguma irregularidade no bairro onde reside, comunicar à Defesa Civil através do número telefônico 199. A Secretaria Municipal de Defesa Social também instituiu o Alerta SMS da Defesa Civil que dispara mensagens para os números telefônicos cadastrados sobre as condições do bairro em eventuais situações que ofereçam risco à população. Para se cadastrar, o usuário envia um SMS para o número telefônico 40199, informando o CEP do bairro onde reside.

Ao secretário Luís Fernando, a equipe da Deso informou que os técnicos já estariam no local e que os reparos seriam concluídos ainda nesta terça-feira, 26. O Portal Infonet tentou ouvir a Deso, mas não obteve êxito. O Portal permanece à disposição. Informações podem ser enviadas por e-mail jornalismo@infonet.com.br ou por telefone (79) 2106 – 8000.

por Cassia Santana

Comentários