“Flanelinhas” terão Carteira de habilitação de graça

0

Evaldo e Samarone falam na aula inaugural
O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira e o titular da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), Antonio Samarone, inauguraram na manhã desta segunda-feira, 12, o Centro de Formação de Condutores de Aracaju.  A aula inaugural aconteceu no Centro de Educação para o Trânsito Seixas Dórea, com a presença de 30 guardadores de carros, popularmente chamados de “flanelinhas”, num total de 60 que serão beneficiados com a iniciativa. O objetivo é proporcionar a aquisição da Carteira Nacional de Habilitação às pessoas de baixa renda.

De acordo com o prefeito Edvaldo Nogueira, o projeto idealizado por Antonio Samarone, é de grande importância para os jovens que não têm condições de pagar cerca de R$ 900 em uma auto-escola particular para tirar a Carteira Nacional de Habilitação.  “É um grande sonho da Prefeitura de Aracaju e a seleção dos jovens, passará por critérios rígidos, pois somente poderão participar das aulas teóricas e práticas, quem realmente não pode pagar. Aqui não vai ter ricos”, garante.

Na aula inaugural, Edvaldo Nogueira disse que os flanelinhas, poderão ter outra profissão, a de motorista.  “Agora, os motoristas cujos carros são guardados por vocês, vão ter a certeza e a confiança de que vocês poderão manobrar os veículos, pois já sabem dirigir”, ressalta.

O futuro motorista Sinval Santos Gama, comemora a oportunidade.  “Eu estou muito feliz, pois desejo deixar a profissão de flanelinha, para passar a trabalhar como motorista profissional. Vou me empenhar em todas as aulas teóricas e práticas”, garante.

Prefeito de Aracaju faz a checagem dos veículos da nova auto-escola
Promessa

Para o prefeito de Aracaju, os 60 flanelinhas que estão participando dos cursos a partir desta segunda-feira, vão ficar na história.  “Vocês vão fazer história, pois serão os primeiros motoristas de Sergipe a serem formados em uma escola municipal. Mas, quero pedir uma coisa: que vocês se empenhem para não reprovarem nos testes. Prometo que se todos forem aprovados, vou dar uma festa, um churrasco aqui na SMTT para comemorar”, destaca Edvaldo Nogueira.

Triagem

Os 60 primeiros condutores formados pelo projeto passaram por um processo de triagem e assistirão à 30 aulas teóricas e a 45 aulas práticas gratuitamente. “As próximas turmas serão selecionadas com base no cadastro de pessoas inseridas nos programas sociais da Secretaria Municipal de Ação Social e Cidadania [Semasc], a exemplo do Bolsa Familia e do Projovem Adolescente”, explica Antonio Samarone.

Por Aldaci de Souza

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais