Fórum Estadual de Turismo é instalado em Sergipe

0

O secretário de Turismo Pedrinho Valadares, juntamente com o ministro Walfrido dos Mares Guia instalaram, no final da manhã de hoje, no auditório do Centro de Convenções de Sergipe, o Fórum Estadual de Turismo. Segundo a Secretaria de Turismo, o Fórum será um organismo que terá a competência de acompanhar a execução e o desenvolvimento da Política Estadual de Turismo. Outro objetivo da iniciativa é cumprir as metas estabelecidas no Plano Nacional de Turismo (PNT), que prevê a criação de 1,2 milhão de novos empregos no setor e a geração de US$ 8 bilhões em divisas, ampliando para nove milhões o número de turistas que visitam o Brasil. O Fórum é um colegiado, de caráter, consultivo, e tem por finalidade pensar as diretrizes gerais do turismo no Estado. Na cerimônia de instalação, além do ministro Walfrido Guia e do secretário Pedrinho Valadares, também estiveram presentes: a vice-governadora Marília Mandarino, Milton Zuanazzi, diretor de realações institucionais do Ministério do Turismo, Isabel Barnasque, gerente de relações institucionais, também do Ministério do Turismo, Tânia Soares, presidente da Funcaju, o deputado federal Jackson Barreto, o deputado estadual Fabiano Oliveira e o reitor da Universidade Tiradentes Joubert Uchoa, entre outros. Os membros permanentes do projeto são: as Secretarias de Estado de Turismo, Planejamento, Esportes e Juventude, Indústria e Comércio, Meio-Ambiente, Infra-Estrutura, Cultura, Banco do Nordeste, Iphan, Ministério do Turismo e Emsetur.Também participam da iniciativa entidades do trade turístico e setores ligados ao mesmo. Segundo o secretário estadual de Turismo, Pedrinho Valadares, a iniciativa vai contribuir para melhoria da qualidade dos serviços oferecidos pelo setor, além de aumentar a geração de emprego e renda. “O fórum estadual vai fazer com que todas as ações da política do turismo sejam encaminhadas para o Ministério do Turismo através de um debate amplo com a sociedade que está sendo representada por diversos órgãos e entidades”, definiu o secretário.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais