Lavador de carro usa a criatividade para fugir do rodízio

0

Lavador conseguiu juntar 14 baldes que captam a água que sai dos aparelhos
Falta d’água e calor. Uma combinação que tem dado muita dor de cabeça aos sergipanos. Mas, com um pouco de criatividade há quem tire bom proveito disso. É o caso do lavador de carros Edvaldo Santana. Para conseguir trabalhar nestes tempos de rodízio ele teve a idéia de captar a água que é liberada pelos aparelhos de ar-condicionado.

“Teve um dia que cheguei para trabalhar e não tinha de onde tirar água, aí como tem muito ar-condicionado aqui resolvi colocar um balde para aparar a água e vi que deu certo”, conta o lavador. Ele começou com um pequeno balde de quatro litros e já utiliza 14 baldes para captar a água que é liberada dos aparelhos que refrigeram os consultórios médicos, que ficam próximos ao local onde todos os dias Edvaldo lava carros.

Edvaldo Santana achou uma saída para continuar trabalhando
Em quatro horas as gotas que são liberadas dos aparelhos enchem um balde de 18 litros. Durante todo o dia ele tem água à vontade para trabalhar, faz reservas para o dia seguinte e não precisa se preocupar se é dia de rodízio ou não. “Essa idéia foi muito boa porque não preciso pagar pela água nem preciso mais ficar pedindo a ninguém”, destaca Edvaldo.

O humilde lavador, que nem chegou a concluir o ensino fundamental, se orgulha da idéia que teve e dá a dica: “se todo mundo usasse a cabeça, com tanto ar-condicionado ligado dava para encher uns caminhões pipas para levar água para o povo do sertão, que tá sofrendo tanto com a seca”.

A água que sai dos aparelhos de ar-

Água coletada não é potável
condicionado não é apropriada pra consumo humano, ou seja, não é potável, devido às diversas impurezas que estão dentro do aparelho e no próprio ar, mas pode servir para irrigar as plantas, fazer tarefas domésticas, entre outras coisas. Basta usar a criatividade, como fez Edvaldo.


Por Carla Sousa



Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais