Operação Jacó: disputa por comando do tráfico motivou crime

0
Cinco pessoas já foram presas (Foto: SSP)

Em entrevista coletiva realizada na manhã desta quinta-feira, 1°, na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), a delegada Luciana Pereira deu detalhes sobre a investigação do assassinato de Anderson de Lima Santos, o “Jacó”, em 18 de agosto deste ano, no Conjunto Albano Franco, em Nossa Senhora do Socorro.

Segundo a delegada, a suspeita da polícia é de que a morte de Anderson tenha sido motivada por conta da disputa pelo tráfico na região. De acordo com ela, o “Jacó” era primo de Alex Santos Silva, assassinado no início do ano, também por questões envolvendo o tráfico.  “Até o momento acreditamos que tenha a ver com a disputa pelo tráfico de drogas. A vítima tinha um parentesco com um traficante que era conhecido na região, o qual foi morto no início deste ano”, explica.

Cinco pessoas foram presas na “Operação Jacó”, deflagrada na manhã de hoje, sendo elas: Jean de Jesus Rocha Júnior, Bruno Chaves Cordeiro, Rodrigo Silva Nascimento, e os irmãos, Eduardo Cordeiro Lima e Rogério Cordeiro Lima. De acordo com a delegada, todos eles, com exceção de Rodrigo, possuem passagem pela polícia.

Conforme a delegada, com os indivíduos foram apreendidos apenas celulares. As investigações continuam com intuito de prender pelo menos dois indivíduos que teriam ligação com o crime. Um deles foi identificado como Alysson Silva Nascimento, que conseguiu fugir da ação policial. Ele, segundo a delegada, possui várias passagens pela polícia e teria sido um dos executores. O nome do outro suspeito não foi divulgado.

por Yago de Andrade

Comentários