Após vazamentos, Petrobras inicia troca de dutos de petróleo em SE

0
Segundo a Adema, os dutos metálicos estão sendo substituídos por dutos com material plástico específico (Foto: Arquivo / Adema)

Os dutos metálicos das linhas de transmissão dos poços de petróleo da Petrobras em Sergipe já começaram a ser substituídos por dutos não-metálicos. A substituição foi uma determinação da Administração Estadual do Meio (Adema) para evitar os vazamentos de óleo recorrentes no Estado. Segundo a Adema, há um cronograma da estatal que indica que até 31 de agosto todos os dutos dos municípios de Riachuelo e Carmópolis, áreas de maior incidência de vazamentos, serão trocados. Até dezembro de 2020, a Petrobras fará a troca de todos os dutos das linhas de transmissão do Estado.

Os vazamentos de óleo acontecem constantemente em Sergipe  (Fotos: Arquivo / Adema)

“70% das linhas de petróleo em Sergipe são de aço de carbono e com o tempo há corrosão, o que provoca os vazamentos que têm sido recorrentes no estado. A Petrobras nos informou que já tinha um cronograma para fazer a substituição desses dutos metálicos por outros não metálicos, mas com a nossa determinação, a estatal alterou o cronograma dando prioridade as áreas de maior incidência de vazamentos. O trabalho de substituição já começou e a Adema está acompanhando essa troca”, informa Gilvan Dias, presidente da Adema.

Gilvan disse ainda que a estatal vai intensificar as vistorias dos poços nas áreas mais críticas através do monitoramento remoto de satélites. “Se as linhas de transmissão perdem pressão, eles sabem que têm vazamento, dessa forma farão o controle imediato, evitando danos ambientais”, destaca o presidente.

Por Karla Pinheiro

Comentários