Petroleiros paralisam por duas horas e avaliam possível greve

0

Os petroleiros fazem uma paralisaram parcial hoje, 18, em frente a sede da empresa na Rua do Acre. À noite os sindicalistas farão uma reunião de avaliação do movimento e definirão a data da assembléia para discutir o avanço das reivindicações e a possibilidade de greve.

 

“Se a Petrobras insistir em não nos atender, não apresentar uma contra proposta ou esta contra proposta não nos satisfizer iremos paralisar por tempo indeterminado”, declarou o sindicalista Edvan.

 

Dentre as reivindicações a categoria pede 10,3% de reajuste, recuperação das perdas salariais acumuladas desde 1994, piso salarial de R$ 751 para os terceirizados, reabertura do Plano de Previdência Complementar de Benefício Definido fechado ilegalmente pela Petrobras, isonomia entre novos, aposentados e antigos trabalhadores, aplicação do Plano Petros para todos os trabalhadores.

 

Eles repudiam também as punições recebidas por alguns funcionários durante as últimas manifestações e a falta de um política mais eficaz de segurança no trabalho. Segundo o sindicalista, nos últimos quatro meses ocorreram quatro acidentes que levaram trabalhadores a óbito.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais