Pontes em Riachuelo e Santa Rosa continuam bloqueadas para tráfego

0
Ponte em Riachuelo foi destruída por causas das chuvas (Foto: ASN)

As pontes localizadas em Riachuelo e Santa Rosa de Lima continuam bloqueadas em virtude dos danos que sofreram durante as fortes chuvas que ocorreram em Sergipe. O Governo do Estado prometeu ações emergenciais para a recuperação das estruturas, mas não há uma data exata para o início das obras. Até o momento, somente a ponta sobre o Riacho Conceição, em Nossa Senhora Aparecida, foi recuperada e liberada para tráfego.

Ponte antiga de Riachuelo foi recuperada e está sendo usada para acessar a cidade

De acordo com a Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (Sedurbs), o Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária (DER) está realizando um estudo técnico para avaliar os serviços necessários à reforma da ponte. O material será encaminhado ao Governador do Estado, que deverá buscar recursos para execução da obra. Por enquanto, o acesso à cidade está sendo realizado pela ponte antiga, que foi recuperada por técnicos do DER e liberada para o tráfego de pessoas, carros pequenos, motos e micro-ônibus.

Em Santa Rosa de Lima, conforme informações da Sedurbs, a possibilidade é que as obras começam na semana que vem. O local foi avaliado e a  contratação da empresa responsável pelo serviço será emergencial. No momento, técnicos do DER trabalham na tomada de preços, que subsidiará a seleção da empresa que fará a obra.

 

 

Tráfego na ponte sobre o Riacho Conceição foi liberado (Foto: Sedurbs)

As duas cabeceiras da ponte sobre o Riacho Conceição, em Nossa Senhora Aparecida, sofreram graves danos no último dia 11, deixando os moradores ilhados. A ponte fica em uma zona rural, há 7km da sede do município.

Por causa do grande volume de água que continuava a correr por sob a ponte, as obras só foram iniciadas na última terça-feira, 23, com o aterro das cabeceiras com material argiloso e a aplicação de camadas de piçarra. Nesta quinta-feira, 25, o tráfego na ponte foi liberado, mas os serviços serão concluídos na segunda-feira, 29.

“A partir de amanhã,faremos uma raspagem, e o rebaixamento no material aplicado, bem como colocaremos 20 cm de espessura de piçarra tanto nas cabeceiras quanto em pontos críticos da estrada até a sede municipal, o que garantirá mais estabilidade aos serviços executados”, informou o diretor-presidente do DER, Ancelmo Luiz de Souza.

Com informações da ASN 

Comentários