Preso acusado de crime e assaltos a bancos

0

Preso acusado de homicídio volta a cumprir pena em regime fechado
Na manhã deste domingo, 25, policiais da Delegacia do Município de Itabaiana, distante cerca de 56 Km da capital sergipana conseguiram prender um homem acusado de homicídio e de pertencer a uma quadrilha de assaltantes de bancos. De acordo com o delegado titular do município, Fábio Pereira, toda a ação foi coordenada pelo delegado de homicídios Francisco Gerlandio.

Segundo informações de Fábio Pereira o preso identificado como Aduilson Góis de Oliveira é acusado de ter participado do homicídio de Gilmar Mendonça Silva que foi assassinado no município de Itabaiana em junho de 2008. Para a polícia Aduilson foi um dos três executores do homicídio.

A informação da polícia é que a vítima foi morta porque presenciou outro crime de homicídio, praticado pelo irmão de Aduilson identificado como Ademir Góis de Oliveira. A investigação também apontou que os Aduilson e Ademar, conhecidos na região como “irmãos boiadeiros”, são acusados de integrar uma perigosa quadrilha de assaltantes de banco.

Assaltos a bancos

Em agosto de 2008 os irmãos foram presos com mais de oito pessoas na cidade de Itabaiana após operação conjunta entre a Polícia Federal e a Divisão de Inteligência Policial da Polícia Civil de Sergipe (Dipol). Na ocasião, foi apreendido com a quadrilha forte armamento e muita munição, que seria utilizada num assalto que a quadrilha planejava fazer a uma das agências bancárias da cidade baiana de Coronel João Sá.

O delegado Fábio Pereira explica que após cumprir pena por ocasião dos assaltos, Aduilson foi colocada em regime semi-aberto pela Justiça, mas com o andamento da investigação do homicídio que por meio de provas comprovou a participação do acusado no assassinato, Aduilson foi preso novamente e será encaminhado ao presídio para cumprir a pena em regime fechado.

 

Por Kátia Susanna

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais