Refabricando os anos 80

0

O dia 1 de abril é famoso por ser internacionalmente conhecido como a data em que Napoleão perdeu as botas. Claro que é mentira. Mas é verdade que a data é celebrada por crianças por ser permitido, neste dia, pregar peças de todos os tipos. Pensando no significado histórico do dia, um dos organizadores da Heatmus 80 resolveu criar a festa “Refabricando os anos 80”.

 

“Uma das propostas da festa é fazer com que as pessoas se reencontrem. Hoje, passamos muito tempo longes uns dos outros e a festa vai servir como uma espécie de oportunidade de reunir pessoas de todos os cantos de Aracaju”, disse Mário Eugênio, professor universitário e organizador.

 

Segundo o organizador, a banda “A Fábrica” será a convidada oficial da festa. A banda é conhecida como a oficial da Heatmus 80 por estar presente à festa desde a sua criação. “Inclusive, o nome da festa é uma alusão à banda (Refabricando). O tempo dos anos 80 foi áureo em relação à música e queremos fazer com que as pessoas recordem os bons momentos, encontrem os amigos etc”, explicou.

 

A FESTA – A festa acontece no Tequila Café e segue os mesmos moldes da Heatmus, mas em proporções menores. “A princípio, vamos ter um repertório exclusivo. Versiane (DJ) vai trabalhar no mesmo molde das antigas boates, como a Saveiro’s, com músicas dançantes e lentas. Também teremos telões com desenhos animados”, disse o organizador. As pessoas que forem caracterizadas podem ganhar prêmios.

 

Segundo Mário, a organização da festa não tem medo de que o tema se repita muitas vezes e acabe se tornando enjoativo. “Não sei se você percebe que estamos vivendo um boom: as pessoas estão voltando ao tempo de infância. Isso é comprovado, as grandes empresas já notaram isso. Os adultos de hoje, que viveram os anos 80, são profissionais liberais, com 30 e 35 anos que buscam determinados valores. Temos todo um embasamento, não fazemos nada ao acaso, temos pesquisa, questionamentos”, falou Eugênio.

 

A HEATMUS – O professor adiantou alguns detalhes da Heatmus 80 deste ano, segundo ele, em primeira mão. A novidade é que duas festas antecedem o evento principal, que será realizado em setembro. A primeira será uma festa de forró; a segunda, o lançamento do evento principal. Além disso, serão incluídas brincadeiras e outras novidades, que Eugênio preferiu não divulgar “por cautela”.

 

Os ingressos para a “Refabricando os anos 80” estão sendo vendidos na Le Postiche e na sorveteria Vi Sabor, ao preço de R$ 10,00. Quem preferir comprar a entrada na portaria do Tequila, terá que desembolsar R$ 15,00. O evento tem o apoio da InfoNet.

Comentários