Sistema S investirá R$ 70 milhões nas unidades em Sergipe

0
Laércio Oliveira: otimismo e investimentos (Fotos: Portal Infonet)

O Sistema S [incluindo a Fecomércio, o Sesc e o Senac] investirá algo em torno de R$ 70 milhões para construir novas unidades e reformar aquelas existentes para dar melhor atendimento à clientela. De acordo com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Sergipe (Fecomércio), as unidades que serão beneficiadas estão instaladas na capital e no interior do Estado.

Orquestra jovem com incentivos do sistema

A grande novidade, segundo o presidente da Fecomércio, Laércio Oliveira, será a reforma completa da unidade da avenida Ivo do Prado, que funciona há cerca de 30 anos, com a abertura de um restaurante que servirá como escola de gastronomia. “O prédio será completamente reformado e trará uma imagem completamente diferente à avenida Ivo do Prado”, enalteceu Laércio Oliveira. “E no restaurante, vamos ensinar gastronomia em um ambiente totalmente diferenciado”, anunciou.

O presidente da Fecomércio fez um balanço das ações realizadas pelo Sistema Fecomércio, Sesc e Senac durante o exercício de 2019 em Sergipe em almoço servido na unidade do Sesc instalada na orla marítima de Aracaju. O presidente demonstrou otimismo e assegurou que a Fecomércio já começou a observar efeitos positivos na economia, especialmente a partir do último trimestre do ano passado. “Isso é um processo longo, mas daqui a pouco nós vamos ver as placas de Aluga-se serem guardadas porque o setor terciário vai retomar o crescimento do país”, disse.

Com este entendimento, Laércio Oliveira considera 2020 como um ano promissor, com perspectivas positivas de melhoria gradativa e consistente nos indicadores econômicos. “Pelo menos o comércio aponta nesse sentido em todas as áreas: na parte de investimento, geração de emprego, arrecadação… para que a gente consiga avançar na macroeconomia”, enalteceu.

por Cassia Santana

Comentários