Nordestão: Sergipe se despede com derrota em casa para Moto Club-MA

0
(fotos: Igor Matheus/ Portal Infonet)

Acabou a Copa do Nordeste para o Club Sportivo Sergipe – e de forma melancólica. Na tarde deste sábado, 30, o alvirrubro fez uma de suas piores apresentações no ano e foi derrotado pelo já eliminado Moto Club-MA por 3 a 1 em pleno estádio Lourival Baptista.

Com o resultado, o Sergipe se despede da competição na vice-lanterna da chave A com apenas três pontos. Na campanha, o time alvirrubro somou uma vitória e sete derrotas, marcou quatro gols e sofreu treze.

O jogo
O Moto Club já entrou em campo eliminado, mas o Sergipe ainda brigava pela classificação. Mesmo assim, ambas as equipes mostraram pouca vontade nos primeiros 20 minutos. Só aos 23, após perigoso chute de Brendon de fora da área – que saiu à direita -, as equipes passaram a se animar a arriscar mais. Aos 28, o Moto respondeu com Paulinho, que recebeu na entrada da área mas chutou por cima. Aos 31, o time maranhense teve mais uma boa oportunidade com Wander, que bateu de canhota na entrada da área e exigiu de Erivelton boa espalmada pra fora.

Moto em cima: segundo tempo inspirado

No segundo tempo, o Sergipe começou com um belo cartão de visitas: Jr. Batata tentou cruzar, mas a bola foi em direção ao gol e fez com que Rodolfo precisasse dar um soco na redonda para afastar. No minuto seguinte, Batata mais uma vez exigiu do goleiro em chute cruzado, mas o camisa 1 espalmou. Na sequência, em contra-ataque, o Moto abriu o placar. Após bate e rebate na área, a bola sobrou para Gleyssinho, que tocou de bico e fez a bola bater na trave e entrar: Moto 1 a 0. Aos 6, Rodolfo mostrou que estava em tarde inspirada e conseguiu pegar dois chutes à queima-roupa de Claudio Baiano.

Se por um lado o Sergipe desperdiçava, o Moto aproveitava cada ataque. Aos 12, o time maranhense fez triangulação dentro da área do Sergipe, e a bola chegou aos pés de Gleyssinho, que tocou no canto direito par ampliar: Moto 2 a 0. Aos 16, Rodney foi derrubado na área e o juiz deu pênalti para o Sergipe. Na cobrança, porém, Elton bateu no meio do gol e Rodolfo catou sem rebote – para desespero da torcida alvirrubra. A revolta da torcida anfitriã multiplicou sete minutos depois. Após mais um contra-ataque, Wander penetrou na área pela esquerda e chutou forte no ângulo esquerdo: Moto 3 a 0. Aos 30, o Sergipe descontou. Após cruzamento de Brendon, Zé Mário subiu sozinho e cabeceou com força no ângulo: 3 a 1. E nada mais alterou o placar.

Sergipe chegou a desperdiçar um pênalti com Elton

FICHA TÉCNICA
Sergipe 1 x 3 Moto Club-MA
Gols: Gleyssinho [4’ 2t], Gleyssinho [12’ 2t], Wander [23’ 2t], Zé Mário [30’ 2t]

SERGIPE
Erivelton, Hereda, Heverton, Claudio Baiano, Diego Paulista, Marinho (Zé Mário), Elton (Maranhão), Brendon, Jr. Batata, Ramalho, Giancarlo (Rodney)

MOTO CLUB
Rodolfo, Diego Renan (Léo Paraíba), Lucas Dias, Alisson, Amarildo, Paulinho (Diego), Gleyssinho, Lucas Hulk, Evandro Russo (Arthur), Wander, Pedro Dias

Cartões amarelos: Zé Mário, Ramalho, Giancarlo, Diego Renan, Pedro Dias

Público total: 373
Renda: R$ 3770

Por Igor Matheus

Comentários