Presidente do Boca não pretende aceitar proposta da MSI

0

O presidente do Boca Juniors reduziu as chances de os corintianos poderem ver o futebol do argentino Carlos Tevez no Parque São Jorge. Em entrevista ao jornal Clarin, Maurício Macri deixou claro que não tem intenção de aceitar a proposta feita pelo iraniano Kia Joorabchian, agora parceiro do time paulista.
”Temos de quatro a cinco propostas, todas de clubes sérios. A do Brasil é muito difícil que eu aceite. Não descartaria a do Dínamo de Kiev, da Ucrânia, que nos próximos dias elevará sua oferta a um número maior que as dos demais. Já gastou 70 milhões de dólares para armar uma equipe competitiva e mais 300 para construir um estádio. Querem ganhar a Champions (Copa dos Campeões)”, avaliou.

Macri também negou que a oferta da MSI seja de US$ 18 milhões. Entretanto, não quis revelar o valor.

Além do Corinthians e Dínamo, Atlético de Madrid e Bayern de Munique também querem o futebol do argentino. Segundo o jornal espanhol As, o Valencia, atual campeão espanhol, também pretende entrar na corrida por Tevez.

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais