João Alves comenta processo que pede a cassação de Déda

0

João:”nunca movi uma palha sequer para este processo”
“Se ele não deve, não tem o que temer”. Foi o que afirmou o ex-governador João Alves Filho sobre o processo que pede a cassação de Marcelo Déda, durante encontro dos Democratas em Sergipe, na tarde desta segunda-feira, 11. Para João Alves, as denúncias de irregularidades praticadas por Déda durante a campanha eleitoral de 2006 são graves e devem ser apuradas. “A decisão é do Tribunal Superior Eleitoral. O que for decidido será cumprido”, argumentou o presidente do DEM.

Sobre a afirmação de Marcelo Déda de que o único interessado no processo seria João Alves, ele afirmou que “nunca moveu uma palha sequer para que este processo seja adiantado ou atrasado”.

Ainda de acordo com o ex-governador, houve uma tentativa de Déda em articular o não julgamento do processo. “Eu não tenho nada a ver com este processo, mas foi o partido Democrata que não aceitou que Déda impedisse o julgamento da ação. Se ele não praticou as irregularidades, ele será absolvido”, salientou João Alves.

Por Valter Lima

Comentários