João evita discutir possível cassação de Déda

0

Coletiva em Hotel na Atalaia
“Eu não discuto. Esse assunto cabe ao Poder Judiciário e não quero estar antecipando os fatos até porque propaganda eleitoral antecipada é proibida”.  Foi o que afirmou o presidente do Partido Democratas em Sergipe, João Alves Filho, ao ser indagado em entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira, 11, em um hotel na Orla de Atalaia, sobre uma possível renúncia ou cassação do governador Marcelo Déda(PT). Ele adiantou que o DEM estará unido com o PSDB nas próximas eleições tanto em nível nacional como local.

A coletiva contou com a participação do deputado federal pelo DEM de Goiás, Ronaldo Ramos Caiado, representantes do DEM, PSDB e PP no Estado de Sergipe. O objetivo foi discutir o Programa de Aceleração do Crescimento no estado, criado em 2007. “Nenhuma obra do PAC foi concluída em Sergipe. E o DEM vai fazer uma ampla fiscalização nos estados, disponibilizando no site do partido, as fotos e imagens comprovando que as obras não estão avançando”, ressalta Ronaldo Caiado, que acompanhou a comitiva do ex-governador João Alves Filho aos bairros Santa Maria, Coqueiral e Orlinha do Mosqueiro para verificar as obras do PAC.

Deputado federal Ronaldo Caiado
Segundo o deputado José Carlos Machado, que apresentou slides sobre o programa com o título: “O PAC em Sergipe está emPACado. Isso é parceria?”, não se justifica que as obras estejam paradas.  “O presidente Lula esteve aqui e anunciou que em 12 meses estaria concluindo as obras nos bairros Santa Maria e Coqueiral e até agora nada avançou. Das 54 obras em Sergipe, quatro ou cinco estão em andamento. Foi uma jogada de Marketing para alavancar a candidatura de Dilma Roussef”, critica José Carlos Machado.

Alianças

O ex-governador João Alves Filho destacou as alianças entre o DEM e o PSDB.  “Eu nunca disse que seria candidato porque estaria cometendo um crime eleitoral. Passei dois anos fora do estado por conta de problemas de saúde da minha esposa, a senadora Maria do Carmo Alves, e agora que estou retornando fiquei chocado com a falta de desenvolvimento de Sergipe. A nível de coligação, o que existe é um apoio à candidatura de José Serra para candidato à Presidência da República. O nosso objetivo é a unidade e não podemos prejudicar a candidatura de Serra por questiúnculas locais”, enfatiza referindo-se à eleição passada, quando Geraldo Alckmin não obteve a eleição desejada no estado.

Ex-governador João Alves Filho e deputado José Carlos Machado
Projeto Político

Todo o projeto político do Partido Democratas voltado para as eleições de 2010 nacionalmente e no Estado de Sergipe, será apresentado em evento marcado para às 16h desta segunda, 11 na Escola do Legislativo.  Os deputados Antônio Carlos Magalhães Neto e Rodrigo Maia, confirmaram presença.

Por Aldaci de Souza

 

 

 

 

Comentários