Partidos anunciam pré-candidatos a prefeitura de Aracaju

0
Até o final de janeiro novos nomes devem ser anunciados pelos partidos (Foto: Arquivo pessoal dos pré-candidatos)

Faltando cerca de cinco meses para os partidos políticos iniciarem suas convenções partidárias e registrarem as candidaturas dos seus filiados aos cargos de prefeitos e vereadores, alguns partidos já se anteciparam e anunciaram alguns pré-candidatos à Prefeitura de Aracaju.

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, atualmente sem partido, vai tentar a reeleição. Edvaldo se desfiliou do PC do B na última segunda-feira, 6, após 39 anos de militância, e ainda não anunciou qual será seu novo partido. A principal expectativa para sua filiação é o PDT.

O ex-prefeito de Aracaju, Almeida Lima é pré-candidato pelo Partido Verde (PV), partido ao qual se filiou em 2019. Almeida, que é advogado por formação, também foi deputado estadual, federal e senador por Sergipe. Ele atuou recentemente como secretário de Saúde na administração de Sergipe, mas saiu após desentendimento entre sua forma de administrar e a do Governador Belivaldo Chagas.

O ex-deputado Valadares Filho é pré-candidato pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), sigla que ele preside em Sergipe. Valadares Filho é formado em administração,  já foi deputado federal por três mandatos e foi o principal adversário na última disputa ao governo do Estado.

O Partido Socialismo e Liberdade (PSOL) anunciou como pré-candidatura a prefeitura de Aracaju o delegado da Polícia Civil de Sergipe, Mário Leony. Já o Partido Trabalhista Cristão (PTC) terá como pré-candidato Juraci Nunes. Formado em direito, Juraci comanda o diretório estadual do partido em Sergipe desde o ano passado.

O deputado estadual Rodrigo Valadares, presidente do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), é o pré-candidato a prefeitura de Aracaju pela sigla e vem mostrando frequentemente os problemas da capital sergipana em seu mandato. O empresário, João Tarantella, que está se desfiliando do Partido Social Liberal (PSL) e negociando com outros partidos, que não tiveram seus nomes revelados, anunciou sua pré-candidatura a Prefeitura de Aracaju.

Na próxima sexta-feira, 10, o Partido dos Trabalhadores (PT) fará uma reunião do partido em Sergipe e desse encontro deverá sair a definição do partido se lançará candidato próprio a Prefeitura de Aracaju ou não. A expectativa é que o partido tenha candidatura própria e ‘puro sangue’.

O presidente do Cidadania em Sergipe, senador Alessandro Vieira, informou que os nomes dos pré-candidatos devem ser anunciados até o final do mês de janeiro. Os demais partidos ainda não divulgaram os nomes dos seus pré-candidatos para as eleições municipais, mas existe a expectativa que a vereadora e defensora pública, Emília Correia (Patriota ), também seja candidata.

Convenções partidárias

Pela Legislação Eleitoral, os partidos políticos devem realizar suas convenções partidárias entre os dias 10 e 30 de junho do ano eleitoral. O prazo para os registros de candidatura, segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), inicia a partir do dia em que o partido realiza a convenção partidária e encerra no dia 5 de julho do ano da eleição. Nesse dia, a Justiça Eleitoral encerra o recebimento dos pedidos de registro de candidatura apresentados por partidos políticos.

Os candidatos, escolhidos em convenção partidária, que não tiverem suas candidaturas registradas no TSE no prazo determinado, poderão promover o pedido no prazo máximo de 48 horas a partir da publicação pela Justiça Eleitoral da lista dos candidatos apresentados pelos partidos ou coligações.

Por Karla Pinheiro

Comentários