Vereadores de Pacatuba acatam recomendação e proíbe festa no carnaval

0
Festa de carnaval está proibida em Pacatuba (Foto: Ascom CMP)

Com o aumento do número de casos da COVID-19, os vereadores de Pacatuba acataram na sessão desta terça-feira, 09, a recomendação do Ministério Público Estadual em proibir festas de carnaval. “Embora saibamos da importância dessas festas para a movimentação da economia, de geração de renda para vendedores ambulantes e outros setores, não poderíamos tomar outra decisão”, disse Leilane.

Na sessão desta terça-feira, a presidente da Câmara, Leilane Quitério também frisou o que está descrito no texto da recomendação do Ministério Público Estadual, que diz: “está Proibida a realização de eventos festivos, shows, “bloquinhos” e similares durante o período carnavalesco, com ou sem comercialização de ingressos, em ambientes públicos ou privados de uso comum, a exemplo de ruas, praias, parques, praças, clubes sociais, bares e restaurantes ou similares, independentemente do número de participantes, com a finalidade de evitar aglomerações de pessoas e impedir a disseminação do novo coronavírus”.

“É importante que estejamos atentos à recomendação do judiciário. Assim como, pedimos a colaboração de todos para não aglomerar.  A pandemia ainda não acabou e o número de casos vem aumentando de forma significativa. Portanto, cada pacatubense deve continuar tomando todos os cuidados”, acrescentou a presidente da Câmara, Leilane Quitério, que também teve o apoio do vereador Alexandre Pereira.

Criação de Comissões

Na sessão ordinária desta terça-feira, os vereadores também criaram uma comissão de fiscalização no que diz respeito a aplicação das vacinas e a execução do Plano Municipal de Imunização, conforme recomendação do Ministério Público Estadual. Nesta comissão, estão: Aleide Diana Santos Melo Costa (Presidente), Etelvino dos Santos Fagundes Filho (Relator) e Maria Edvânia Messias dos Santos (Membro).

Os vereadores criaram ainda uma comissão que irá visitar a DESO, em Aracaju, com o intuito de solucionar os problemas da falta d’água em diversas localidades do município. Esta comissão será formada por: Leilane Quitério, Alexandre Pereira, Ronicleiton Lúcio de Oliveira e Wolney Quitério.

Fonte: Ascom CMP

Comentários

Nós usamos cookies para melhorar a sua experiência em nosso portal. Ao clicar em concordar, você estará de acordo com o uso conforme descrito em nossa Política de Privacidade. Concordar Leia mais